CRÍTICA: STAR WARS VII – O DESPERTAR DA FORÇA

POR 42 BITS

imagem 1
Star Wars: O Despertar da Força / EUA, 2015 / 135 min / Direção: JJ Abrams

Houve um despertar. Você sentiu?

Depois de anos de antecipação, Star Wars VII: O Despertar da Força traz equilíbrio para a franquia Star Wars; já que as prequels em grande parte foram mal recebidss ainda deixando uma mancha amarga na memória de alguns fãs, sem contar o relançamento com mudanças dos episódios clássicos (HAN ATIROU PRIMEIRO, GEORGE LUCAS. PORQUE ELE É ASSIM), este é um filme feito para recapturar a magia do que fez trilogia original de George Lucas tão especial. Boa parte do filme ecoa aventuras de Star Wars do passado, mais notavelmente Uma Nova Esperança, mas são os novos elementos do episódio VII que são a sua força.

imagem 2
BB-8 e Rey em Jakku.

O filme começa com um McGuffin bem interessante: Onde está Luke Skywalker? O filme gira em torno disso desde os créditos iniciais que fazem você se arrepiar ao ouvir a música tema.

imagem 3
“Chewie, estamos em casa!”

Só que dessa vez existe um ato de passar o bastão para os novos personagens, talvez o trio que leve essa nova trilogia – e que estão muito bem representados.

Nós temos Rey, uma catadora de lixo de Jakku que fará a Jornada do Herói que Campbell já apresentava em seu livro “O Herói de mil faces”. Finn, um ex Stormtrooper que “decide” se aliar a Resistência, é talvez o mais original personagem dessa nova trilogia e John Boyega serve de alívio cômico e ao mesmo tempo te faz se apaixonar pelo personagens nas suas primeiras cenas, por último e não menos importante temos Poe Dameron, o “Melhor Piloto da Resistência”, vivido por Oscar Isaacs e que mesmo tendo menos cenas que os outros deixa sua marca – Todos eles estão ao lado oposto de Kylo Ren (Adam Driver), que seria uma espécie de “Novo Darth Vader”, já que ele é o Sith do lado negro.

IMAGEM 4
Capitã Phasma, Kylo Ren e General Hux.

Podemos fazer muitos paralelos de “O Despertar da Força” com “Uma nova esperança”, paralelos esses que deixaram alguns fãs irritados como: Nós temos um “novo vader” que está no mesmo patamar de um novo General, temos um “novo mestre do mal”, temos um personagem que fará a jornada do herói assim como luke, temos um novo Obi Wan Kenobi (Dessa vez na pele de Han Solo), temos uma nova e maior Estrela da Morte (dessa vez chamada de Starkiller, não sei se em homenagem ao personagem – que agora não existe mais – de mesmo nome), temos um Novo Império na pele da Nova Ordem e coisas do tipo – Mas a todo momento tudo que é apresentado aparece em tom de homenagem, algo que JJ Abrams sabe fazer. Quando Han Solo diz a Chewbacca “Estamos em casa” no trailer, é isso que o filme quer te deixar: em casa. Naquela Galáxia muito muito distante que você visitou e que quis retornar.

IMAGEM 5

Felizmente, ao contrário das prequels, o que funciona em O Despertar da Força realmente funciona. Os personagens são amáveis, impossível não sair do cinema sendo fã de Rey – Impossível não sair do cinema odiando Kylo Ren.

Eu gosto de dizer que Star Wars VII bebeu no melhor de Uma Nova Esperança e nos deu um terceiro ato com ares de O Império Contra Ataca, nos deixando com vontade de que o episódio VIII viesse logo em seguida (tipo, amanhã. Não daqui há dois anos).

E Aí, Presta?

Star Wars VII: O Despertar da Força está entre os melhores filmes da franquia, ele até se torna mais divertido com a busca pelos easter eggs. Porém ele não é perfeito, as duas horas e quinze minutos não são suficiente para mostrar e dar tempo para todos os novos personagens, mas isso provavelmente ficará para os outros filmes – Não acredito que teremos um novo Boba Fett.

Prós

  • Novos personagens;
  • Direção de JJ Abrams é realmente superior ao que George Lucas fez nas prequels;
  • Paisagens lindas misturando locações reais e digitais;
  • Sequências de ação
  • BB8 – Sim, ele é foda!

Contras

  • Tem uma estrutura muito parecida com a de “Uma Nova Esperança”.
  • Alguns personagens foram deixados de lado como a Capitã Phasma.

Veja mais no 42 Bits.

O Contador e o 42 Bits estão juntos todas as semanas trazendo as novidades do entretenimento. Até qualquer hora!

APAGÃO DE 43 HORAS NO ANTÔNIO CONSELHEIRO CAUSAM PREJUÍZOS

Natal no distrito foi sem energia e alguns comércios acumularam prejuízos, Cosern afirmou que não havia conseguido diagnosticar a causa do blackout em menos tempo.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

conselheiro 2
Distrito do Antônio Conselheiro sofreu com apagão de 43 horas.

Foi um Natal sem luz no Antônio Conselheiro, distrito que fica a 20 quilômetros da sede de São Miguel do Gostoso, o apagão teve início às 5h do dia 24 e só foi resolvido apenas à 0h do dia 26, totalizando assim 43 horas de completa escuridão.

O Contador visitou os quatro pontos comerciais da comunidade para ouvir os responsáveis e analisar os seus prejuízos e constatou que a rapidez de alguns deles foi fundamental para evitar desastres piores com suas mercadorias.

Começando pelo Mercadinho Antônio Conselheiro, a organizadora Luzia disse para nossa equipe que só não teve prejuízos por lá porque conseguiu transportar todas as carnes e peixes para o município de Parazinho, mas que perdeu em alimentos dentro da sua própria casa.

Na padaria, não houve vendas na manhã do dia 25, com isso se perdeu muito dinheiro em vendas, afirmou o gestor do comércio, seu João Guilherme.

“Minha sorte foi que assim que terminamos de tirar o pão do forno no dia 24, a massa também já havia acabado, se não era para mais de 500 reais de prejuízo nas minhas costas. Agora um dia sem poder vender já é de uma prejuízo grande”, declarou seu João.

O Mercadinho Nossa Senhora de Fátima conseguiu preservar seus laticínios e carnes no freezer que ficou abarrotado de gelo, porém não foi a mesma sorte do Mercadinho da Terra da Gente onde se perderam mais de 30 quilos de peixe e os números negativos ultrapassaram os 150 reais. Além disso, houveram muitas reclamações de moradores sobre alimentos que acabaram estragando pela impossibilidade do armazenamento.

conselheiro 1
Clube de festas do Antônio Conselheiro, festa de lá é a segunda maior do município.

A Cosern havia informado, em telefonemas feitos por nossa equipe, que o erro não havia sido diagnosticado pelo sistema, inclusive que já havia sido delegada uma equipe para sanar o problema ainda no dia 24. Por outro lado, moradores já haviam declarado que uma peça de um dos postes entre o Conselheiro e o Angico de Fora estava pendurada e que esse provavelmente haveria sido o motivo.

Sobre os outros casos citados nessa reportagem, não conseguimos mais contato com a empresa para esclarecimentos. Mas pelo bem de todos o problema foi resolvido, nós continuamos de olho em tudo que agita o nosso município. Até qualquer hora!

AUTO DE NATAL DE GOSTOSO TEM PRIMEIRA NOITE DE ESPETÁCULO NESTE DOMINGO (27)

Evento começa às 19h com atuação de mais de 50 atores locais e terá mais uma apresentação na segunda-feira (28).

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

cartaz
Cartaz do Auto de Natal 2015

O Auto de Natal de Gostoso vive expectativas de estreia neste domingo (27), começando às 19h o espetáculo terá duas exibições na Praia da Xêpa contando com cerca de 100 envolvidos e o melhor de tudo: será totalmente gratuito!

Com realização do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC) o Auto deste ano mostra a história clássica do nascimento de Jesus de um jeito totalmente inovador com características nordestinas como o diálogo em formato de cordel e ainda com elementos culturais locais como o Pastoril e o Boi de Reis.

Ensaio - auto
Ensaio do Auto de Natal em 2015.

Serão mais de 50 atores de São Miguel do Gostoso, desde crianças de cinco anos até idosos com mais de 60, além disso, encerra o calendário oficial de eventos que o CDHEC promoveu em 2015.

A peça deste ano tem direção de Anna Celina e Beto Vieira da Companhia de Artes Trotamundos que também dirigiram a edição passada, inclusive eles prepararam um convite especial, confira:

“Há mais de dois mil anos um fato acontecido vem sendo contado e recontado, num ciclo repetitivo onde a fé, o amor e a esperança se complementam em sentimentos e sensações humanas. Pelo segundo ano consecutivo estamos nós sob as bênçãos de são Miguel Arcanjo e, na companhia de crianças, jovens e adultos concretizando um sonho lúdico em forma de auto Natalino, a função de capitanear esta empreitada muito nos honra e orgulha, mas acima de qualquer coisa nos enche de responsabilidades visto que esta obra é ampla e parte de todos que fazem e são o município de São Miguel de Gostoso…assim, rogamos ao Pai que nos guie e oriente em torno de um GOSTOSO espetáculo de paz e luz. A todos e todas os nossos votos de um feliz natal e um novo ano de realizações, felicidades e bênçãos”.

Anna Celina & Beto Vieira, dezembro de 2015.

Auto 2014 05
Auto de Natal de 2014.

Os preparativos para a realização do evento vêm desde novembro e de lá para cá muito trabalho e ensaio estão sendo feitos para se desejar um feliz natal e ótimo ano novo a todos que prestigiarem esta grande celebração da cultura nordestina em Gostoso.

O Contador de Causos está na cobertura do evento e conta todos os detalhes para você! Até qualquer hora!