POTIGUAR LUCAS OLIVEIRA DÁ VOLTA POR CIMA E CONQUISTA MEDALHA DE PRATA EM SALVADOR

Atleta potiguar depois de sofrer com contusão no início do ano conquista a única medalha potiguar até o momento em Salvador.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

Lucas Oliveira (à esquerda) conquista prata em Salvador

Altas emoções, assim pode ser definido o ano para o atleta potiguar Lucas Oliveira que conquistou a medalha de prata nesta última sexta-feira (13) no Brasileirão de Karatê que acontece em Salvador (BA).

O jovem de 17 anos sofreu no início do ano quando não conseguiu sequer lutar na etapa do Brasileiro em Caruaru (PE), pois havia sido desclassificado após ter deslocado o pulso. Esta contusão o deixou fora dos treinos por um mês.

Quase sem muitas opções, restou a Lucas buscar a vaga para a etapa final do Brasileiro na seletiva de Manaus, aonde Abison Mateus também havia carimbado sua vaga. O resultado lá já havia sido mais do que esperado, além da vaga para as disputas em Salvador ele também havia conseguido vaga para a Seleção Brasileira de Karatê.

Após isso a rotina de treinos só se intensificou. Em dois turnos ele teve o luxo de revezar entre dois técnicos de alto nível e com bastante bagagem em competições nacionais e internacionais: Mano Santana e Rafael Oliveira.

O CAMINHO DA PRATA

Medalha de prata de Lucas Oliveira.

Lucas competiu na categoria júnior 16/17 anos, onde dentre os 20 atletas inscritos, 7 já haviam passado pela Seleção Brasileira. Pelo sorteio dos confrontos na primeira fase, Lucas Oliveira passou direto para a segunda por não ter adversário.

Depois disso o caminho até a decisão foi sendo montado, Nas oitavas de final encarou Hérick Rosa (SC), nas quartas o adversário foi Gabriel Resende (GO), enquanto na semifinal a ‘próxima vítima’ foi João Severo (CE).

Apenas na decisão, Lucas acabou perdendo o confronto e por pouco não faturou o ouro, o adversário dele foi outro catarinense, desta vez Ryan Campos (SC), mas nada que tirasse o brilho dos olhos do potiguar.

Para seu técnico, Rafael Oliveira:

“O sentimento é de dever cumprido! Posso dizer que fechamos o ano com um saldo positivo. Neste meio período em que ele se contundiu e voltou, o garoto virou Seleção e Vice Campeão Brasileiro”, declarou Rafael ao Contador.

Nós parabenizamos Lucas Oliveira e continuamos de olho nas emoções que estão rolando em Salvador!

Até qualquer hora!

2º DIA DE COMPETIÇÕES EM SALVADOR DEIXOU GOSTOSENSES A UM PASSO DA MEDALHA

Estreia de Larissa Rodrigues foi a grande atração do dia, mas as lutas por equipes aproximaram gostosenses das medalhas.

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

Expectativa para estreia de Larissa Rodrigues.

O segundo dia de competições em Salvador foi animado e por pouco não rendeu medalhas para os gostosenses, além da estreia de Larissa Rodrigues, Abison Mateus e Wanderson Silva voltaram a competir e conquistaram o 4º lugar na disputa do kumite por equipes masculina.

No início da tarde quando Larissa Rodrigues foi anunciada a entrar no koto, começou o nervosismo dos técnicos e da sua família que a observavam, porém do mesmo jeito que os meninos no dia anterior ela perdeu sua luta para a paulista Jéssica Paula por um detalhe e não conseguiu avançar na disputa por medalhas.

Larissa disse ao Contador que apesar da derrota gostou do seu desempenho e que por ser seu primeiro ano na divisão especial do karatê, só reforça que ela precisa treinar e melhorar muito mais. Concluiu sua mensagem com a hashtag #OSonhoContinua.

O que mais aproximou os atletas gostosenses das medalhas foram as disputas por equipes, no feminino o time potiguar contou com Larissa Rodrigues e elas acabaram terminando em 5º lugar, ganhando das anfitriãs baianas e perdendo na rodada seguinte para as cariocas.

Pelo lado dos meninos, os potiguares foram mais longe e perderam a disputa do bronze para os paulistas, ficando na 4ª colocação. Eles já haviam derrotado as equipes de Goiás e Amazonas em um torneio difícil onde competiram 15 estados.

Neste sábado (14) teremos as estreias de Valeska Rodrigues (espera a vencedora do confronto entre Lara Souza (SP) x Stephany Pontes (RJ)), Sara França (enfrenta Andressa Melo (SC)) e Mel França (enfrenta Janaína Zapellini (SC)), além da disputa do Campeonato Universitário onde Wanderson Silva fecha sua participação.

Vamos continuar com dedos cruzados. Até qualquer hora!