Arquivo da tag: Praia do Maceió

BACURAU, POLÍTICA, CANNES: O QUE BOMBOU NA 6ª MOSTRA DE CINEMA DE GOSTOSO

Evento que aconteceu de 08 a 12 de novembro reuniu centenas de pessoas para prestigiar e debater sobre o audiovisual brasileiro.

POR AILTON RODRIGUES
ANT. CONSELHEIRO, S.M. DO GOSTOSO/RN

6 MCG - Areias do Maceió
Areias da Praia do Maceió sempre lotadas

A 6ª Mostra de Cinema de Gostoso (infelizmente) acabou, o evento que durou de 08 a 12 de novembro reuniu centenas de pessoas na cidade de São Miguel do Gostoso para prestigiar e debater o melhor do audiovisual brasileiro.

Como de praxe, nós acompanhamos toda essa celebração da sétima arte em terras gostosenses e destacamos cinco momentos emblemáticos para nossa equipe. Veja:

PACARRETE

6 MCG - Pacarrete
Atriz Macélia Cartaxo recebe um dos prêmios de Pacarrete.

O longa metragem de Allan Deberton foi aclamado pelos espectadores da Mostra. A história da bailarina aposentada que tinha sonho de ter sua arte respeitada pela população forrozeira do sertão do Ceará foi bem avaliada pela população. O debate inclusive foi um dos mais cheios desta edição.

Muito também pelo carisma da Marcélia Cartaxo – A Hora da Estrela (1985), Madame Satã (2002) – que se emocionou nos anúncios das premiações e se disse encantada com a exibição do filme ao ar livre. Aparentemente, a própria não tinha percebido que havia composto uma personagem tão única que desperta variados sentimentos em todos os espectadores.

Com isso o filme foi consagrado com nada mais, nada menos que três troféus (Prêmio Luís da Câmara Cascudo – Júri Popular, Prêmio da Imprensa e Prêmio DOT Cine – DCP de longa metragem). O maior vencedor em uma edição da Mostra.

BACURAU

6 MCG - Sessão Bacurau
Sessão especial de Bacurau teve o maior número de espectadores da história do festival.

O filme que todo mundo estava esperando, não decepcionou. Mesmo sem números oficiais, visivelmente foi o maior público da história do festival, as 600 espreguiçadeiras foram pouco para tanta gente que se espalhou pelas areias da Praia do Maceió e curtiu o filme de Juliano Dornelles e Kleber Mendonça Filho.

Bacurau já foi aclamado pela crítica e já bateu a marca de mais de 100 mil espectadores, além disso foi premiado no Festival de Cannes. Nem preciso dizer que o debate sobre o filme foi o mais concorrido, mas de fato a brincadeira da mescla de gêneros impressionou.

O BRASIL LÁ FORA

6 MCG - debate internacional
Barbara Sturm, Jean Thomas Bernardini e Flavia Guerra falando sobre o audiovisual brasileiro no exterior.

Apesar do cenário difícil que se encontra o audiovisual brasileiro com a extinção do Ministério da Cultura, a falta de recursos e as incertezas no futuro da Agência Nacional do Cinema (Ancine), o Brasil teve o que comemorar em 2019.

Prêmios como o de Bacurau em Cannes, quatro prêmios em Sundance, além de 12 representações em festivais internacionais foram explanados por produtores e distribuidores em um debate especial desta 6ª edição da Mostra.

MOMENTO POLÍTICO

A abertura da Mostra culminou exatamente com (mais um) momento de conturbação na política nacional com a soltura do ex-presidente Lula após a revogação da prisão em segunda instância pelo STF. Com isso, gritos de Lula Livre foram entoados pelos organizadores do evento e seguiu por todo o festival.

Os debates também tiveram momentos de críticas ao governo atual, por tudo o que foi explanado no tópico acima.

CANNES DO NORDESTE

6 MCG - Sessão de Pacarrete
Allan Deberton disse que Gostoso era a “Cannes do Nordeste”.

A frase que simbolizou a 6ª Mostra de Cinema de Gostoso foi dita pelo diretor Allan Deberton na abertura do evento, ao se encantar com a composição da sessão da Mostra Competitiva ele declarou que a Mostra era a “Cannes do Nordeste”.

O diretor Juliano Dornelles havia compactuado da definição e disse que o ambiente proporcionava uma sessão única:

“Foi muito impressionante para mim ver essa estrutura que respeita o cinema montada na areia da praia e com adesão absurda do público. Acho que temos muita sorte de ter espaços como esses para debater sobre cinema e se encontrar”, declarou Juliano ao Canal Brasil.

BÔNUS: CURTAS GOSTOSENSES

Óbvio que não podíamos deixar este texto sem destacar a beleza dos curtas gostosenses, começando pelo vencedor do Prêmio Laces, Júlia Porrada (2019) de Igor Ribeiro que contou a história de uma moradora local.

Labirinteiras (2019), Ando Me Perguntando (2019) e Carta Branca (2019) foram os outros títulos que cativaram os nativos e os visitantes também. O momento ainda era de celebração, uma vez que, o curta O Grande Amor de Um Lobo (2018) acabara de conquistar um prêmio internacional em Los Angeles.

Bom a lista poderia ter mais itens, mas você pode rever a qualquer momento nossas redes sociais e relembrar todos eles.

Viva o cinema! Que venha a 7ª edição. Até qualquer hora!

A 6ª Mostra de Cinema de Gostoso é uma realização da Heco Produções, do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC) e da Guajirú Produções. Apresentação: Ministério da Cidadania. Patrocínio: Grupo Banco Mundial, Governo Cidadão, Governo do Rio Grande do Norte – Secretaria de Turismo (SETUR), BRDE, FSA, ANCINE e Sprite. Apoio: Laces, Potiporã, SEBRAE RN, Itograss, Pousada dos Ponteiros, Serveng, Gol, Elo Company, DOT, ETC, Video Shack, Mistika, ON Projeções, BrLab, Marcenaria SMG, Fundação José Augusto e Lei Câmara Cascudo. Apoio Institucional: Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso.

PACARRETE SAI COMO MAIOR VENCEDOR DA 6ª MOSTRA DE CINEMA DE GOSTOSO

Filme premiado com oito kikitos do Festival de Cinema de Gramado é ovacionado em São Miguel do Gostoso onde conquistou três prêmios.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

A noite desta última terça-feira (12) foi a celebração dos vencedores da 6ª edição da Mostra de Cinema de Gostoso que abrilhantou a cidade durante os últimos cinco dias. Com três prêmios o longa metragem Pacarrete, de Allan Deberton, foi o maior vencedor da noite.

O filme conta a história real de uma bailarina já mais velha tida como louca que vivia no interior do Ceará, ela tentava demonstrar sua arte, mas percebia que não reconheciam. Com este enredo carismático que mescla com o drama, o filme cativou o público de São Miguel do Gostoso que lhe concedeu o Prêmio Luís da Câmara Cascudo do júri popular, Prêmio da Imprensa e o Prêmio Dot Cine (DCP de longa metragem).

“Ela reclamava bastante que era uma bailarina que não tinha espaço para sua arte. Ela queria morrer fazendo ballet, queria morrer sendo artista e ela, enfim, acabou falecendo, sendo conhecida como a louca e não como essa bailarina bem sucedida que quis ser”, disse Allan Deberton ao G1.

Tanto a protagonista Marcélia Cartaxo – A Hora da Estrela (1985), Madame Satã (2002) – como o diretor Allan Deberton estavam na cidade e receberam os prêmios de forma emocionada. A recepção do filme emocionou Allan, que inclusive, elogiou o festival e chegou a afirmar que a Mostra de Cinema de Gostoso era a “Cannes do Nordeste”.

Todavia, a cerimônia de encerramento teve mais emoções e um toque potiguar todo especial, afinal quatro troféus foram para obras do RN. Destaque para a obra gostosense Júlia Porrada que levou um dos prêmios dedicados pelos patrocinadores do evento e de quebra rendeu uma verba para produção dos próximos filmes do Coletivo Nós do Audiovisual. Além disso, a reação da população com o anúncio do filme da personagem quase folclórica da cidade foi comemorado como se fosse um gol.

Igor Ribeiro recebe troféu na Mostra (Foto: arquivos Mostra de Cinema de Gostoso)

Veja todos os vencedores:

*ELO COMPANY:
Em Reforma (Diana Coelho – RN)

*MISTIKA:
Quebramar (Cris Lyra – SP)

*PRÊMIO VIDEOSCHACK (RECURSOS DE ACESSIBILIDADE):
Plano Controle (Juliana Antunes – MG)

*PRÊMIO LACES – NÓS DO AUDIOVISUAL:
Julia Porrada (Igor Ribeiro – RN)

*PRÊMIO DOT CINE (FINALIZAÇÃO DE CURTA METRAGEM)
A Parteira (Catarina Doolan – RN)

*PRÊMIO DOT CINE (DCP SE LONGA METRAGEM)
Pacarrete (Allan Deberton – CE)

*IMPRENSA – MELHOR CURTA:
Sete Anos em Maio (Afonso Uchôa – MG)

*IMPRENSA – MELHOR LONGA:
Pacarrete (Allan Deberton – CE)

*JÚRI POPULAR – MELHOR CURTA:
A Parteira (Catarina Doolan – RN)

*JÚRI POPULAR – MELHOR LONGA:
Pacarrete (Allan Deberton – CE)

*MENÇÃO HONROSA:
Fendas (Carlos Segundo – RN)

O Contador continua de olho. Até qualquer hora.

6ª MOSTRA DE CINEMA DE GOSTOSO SERÁ A MAIS FEMININA E NORDESTINA, VEJA LISTA COMPLETA DE FILMES

Evento acontece de 08 a 12 de novembro e terá 35 obras exibidas.

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

praia1

A Mostra de Cinema de Gostoso é um evento que já entrou no calendário do cinema nacional, isso porque o charme da cidade litorânea onde o vento faz a curva cativa aos visitantes e além disso tem uma estrutura de alto nível para que o evento proporcione sensações únicas. Durante esta semana a organização do evento apresentou o “cardápio” deste novo encontro, ou seja, a programação de filmes que serão exibidos durante os dias 08 a 12 de novembro.

Com 600 cadeiras espreguiçadeiras, tela de 12m x 6,5m, projeção com resolução 2K e som 5.1, a sala propicia uma experiência imersiva como a de uma sala de cinema de alta tecnologia. Com mais de 2.000 pessoas por noite, todas as cadeiras e parte da faixa de areia ficam ocupadas pelo público. Além disso, uma área de convivência é montada antes do acesso à sala, com praça de alimentação e espaço para comerciantes locais.

A programação conta com a Mostra Competitiva onde a votação por juri popular elegerá os melhores filmes do festival e ainda concorrem aos prêmios de finalização das empresas Mistika e DOT Cine; aos prêmios de recursos de acessibilidade das empresas ETC Filmes e Video Shack e de aquisição da distribuidora Elo Company. Além de tudo, também será concedido o Prêmio da Imprensa, a partir da votação de jornalistas e críticos de cinema presentes na Mostra.

praia2

O evento também promove debates com produtores, diretores e atores dos filmes exibidos e, um seminário sobre o mercado audiovisual. Inclusive, neste ano, a Mostra de Cinema de Gostoso, em parceria com o BrLab, criou a 1ª edição do Gostoso Lab, laboratório para projetos de longa-metragem em fase de desenvolvimento, voltado aos realizadores do Rio Grande do Norte. O Gostoso Lab foi criado com o intuito de dinamizar a produção audiovisual do estado, buscando aproximá-la de novos colaboradores que darão suporte para o enriquecimento do processo criativo de novos projetos. Toda a programação é gratuita.

SOBRE OS FILMES SELECIONADOS

Nesta 6ª edição serão exibidas 35 obras que pretendem envolver o público com histórias emocionantes e tipicamente com a linguagem brasileira de se fazer cinema. Veja os selecionados:

MOSTRA COMPETITIVA

Longa Metragem - FENDAS RN
Cena de Fendas, uma obra potiguar dirigida por Carlos Segundo.

LONGAS-METRAGENS

  • CASA (Dir.: Letícia Simões, Documentário, 93MIN, PE, 2019)
  • FENDAS (Dir.: Carlos Segundo, Ficção, 80min, RN, 2019)
  • PACARRETE (Dir.: Allan Deberton, Ficção, 97min, CE, 2019)
  • VERMELHA (Dir.: Getúlio Ribeiro, Ficção, 78MIN, GO, 2019)

CURTAS-METRAGENS

  • A PARTEIRA (Dir.: Catarina Doolan, Documentário, 20min, RN, 2018)
  • EM REFORMA (Dir.: Diana Coelho, Ficção, 20min, RN, 2019)
  • MARIE (Dir.: Leo Tabosa, Ficção, 25min, PE, 2019)
  • PLANO CONTROLE (Dir.: Juliana Antunes, Ficção, 15min, MG, 2018)
  • QUEBRAMAR (Dir.: Cris Lyra, Documentário, 27min, SP, 2019)
  • SETE ANOS EM MAIO (Dir.: Affonso Uchôa, Documentário, 42min, MG, 2019)

MOSTRA PANORAMA

LONGAS-METRAGENS

  • AMBIENTE FAMILIAR (Dir.: Torquato Joel, Ficção, 90min, PB, 2019)
  • CHÃO (Dir.: Camila Freitas, Documentário, 110min, DF, 2019)
  • DIZ A ELA QUE ME VIU CHORAR (Dir.: Maíra Bühler, Documentário, 86min, SP, 2019)
  • A MULHER DA LUZ PRÓPRIA (Dir.: Sinai Sganzerla, Documentário, 74min, SP, 2019)

CURTAS-METRAGENS

  • CRUA (Dir.: Diego Lima, Ficção, 20min, PB, 2019)
  • IMAGENS DE UM SONHO (Dir.: Leandro Olimpio, Documentário, 20min, SP, 2019)
  • LOOPING (Dir.: Maick Hannder, Ficção, 12min, MG, 2019)
  • PRIMEIRO ATO (Dir.: Matheus Parizi, Ficção, 19min, SP, 2018)

SESSÕES ESPECIAIS

20190823-bacurau-1200x675
Cena de Bacurau, um dos filmes mais aguardados desta edição da Mostra.
  • BACURAU (Dir.: Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, Ficção, 131min, PE, 2019)
  • A NOITE AMARELA (Dir.: Ramon Porto Mota, Ficção, 102min, PB, 2019)

MOSTRA COLETIVO NÓS DO AUDIOVISUAL

  • ANDO ME PERGUNTANDO (Dir.: Clara Leal, Ficção, 15min, RN, 2019)
  • CARTA BRANCA (Dir.: Rubens dos Anjos e Levi Jr., Ficção, 15min, RN, 2019)
  • JÚLIA PORRADA (Dir.: Igor Ribeiro, Documentário, 15min, RN, 2019)
  • LABIRINTEIRAS (Dir.: Renata Alves, Documentário, 15min, RN, 2019)

MOSTRA INFANTIL

  • AS INVENÇÕES DE AKINS (Ulísver Silva, Ficção, 32min, MS, 2018)
  • CASCUDOS (Igor Barradas, Ficção, 18min, RJ, 2018)
  • LILY’S HAIR (Raphael Gustavo da Silva, Ficção, 15min, GO, 2019)
  • MACACO ALBINO: SISO (Leandro Robles, Animação, 6min, SP, 2019)
  • NÃO ACORDE (Roberto Rogato, Ficção, 2min, SP, 2018)
  • O VÉU DE AMANI (Renata Diniz, Ficção, 15min, DF, 2019)
  • OS CHOCOLIX (Elizabeth Mendes, Animação, 7min, SP, 2018)
  • OS DOIS LADOS DA MOEDA (Everton Pereira, Felipe Machado, Juliana Vieira, Nathalia Amorim, Rodrigo Xavier e Thais Fraga, Ficção, 4min, RJ, 2006)
  • OS TRÊS PRIMOS (Bruno Pereira, Ficção, 11min, RJ, 2019)
  • PARABÉNS A VOCÊ (Andréia Kaláboa, Ficção, 20min, PR, 2019)
  • UM BEIJO PARA SOFIA (Calleb Jangrossi, Ficção, 16min, SP, 2018)

Contudo, o Contador de Causos analisou as estatísticas do evento e constatou números interessantes. O primeiro deles é em relação a representatividade feminina, a edição de 2019 será a de maior participação delas: 39% das obras que serão exibidas são dirigidas por mulheres, o que corresponde a 16 diretoras. Só para termos um comparativo, em 2018 apenas 10 delas dirigiram filmes que foram exibidos na Mostra.

Continuando, outro dado importante é o de número de obras nordestinas no festival. Apesar do predomínio maciço do sudeste como maior fornecedor de filmes para o evento, em 2019 a programação exibirá nada mais, nada menos que 40% de filmes da Região Nordeste, só na Mostra Competitiva dos 10 que concorrem ao Troféu Luís da Câmara Cascudo, 6 são da região mais forrozeira do Brasil.

Apesar da escalação forte de obras já premiadas em inúmeros festivais pelo Brasil e pelo mundo, esta edição será a que tem menos filmes na grade. Veja o comparativo:

EDIÇÃO

NÚMERO TOTAL DE FILMES EXIBIDOS

2019

35

2018

43

2017

51

2015

46

2014

63

2013

51

TOTAL

289

A explicação dada pela curadoria do evento ao Contador é que a programação foi ajustada para dar a melhor experiência aos prestigiadores. Alguns curtas selecionados tem um tempo de duração maior, além disso será exibido apenas um curta por dia na Mostra Panorama, o que até então jamais havia acontecido.

CURSOS DE FORMAÇÃO

Desde sua primeira edição, a Mostra de Cinema de Gostoso oferece a jovens de São Miguel do Gostoso e distritos dos arredores uma série de cursos de formação técnica e audiovisual. Os cursos são realizados meses antes do início da Mostra e têm como objetivo proporcionar aos jovens o domínio de diversas áreas da produção cinematográfica. São transmitidos conhecimentos teóricos e práticos, abordando temas como história do cinema, elementos de linguagem audiovisual, produção, fotografia e roteiro. O conhecimento adquirido pelos alunos é colocado em prática com a realização de curtas-metragens e a participação direta na equipe de organização da Mostra de Cinema de Gostoso.

Tanto as temáticas que envolvem os cursos quanto os filmes produzidos são pensados dentro de uma lógica de valorização das tradições e costumes da comunidade. Os alunos são incentivados a explorar o imaginário cotidiano de São Miguel do Gostoso ao elaborarem seus roteiros, dentro de um processo de reconhecimento da cultura local. Dessa forma, eles acabam por refletir sobre o ambiente em que vivem de maneira crítica e cultivam a formação de suas identidades. Em 2013, os próprios alunos criaram o Coletivo Nós do Audiovisual e desde então já participaram de 45 oficinas e realizaram 19 curtas-metragens, que foram selecionados em diversos festivais de cinema no Brasil.

Em 2019, os alunos participaram de seis oficinas: Linguagem Audiovisual, Roteiro I e II, Realização Cinematográfica I e II e Edição. As três primeiras oficinas foram ministradas pelo cineasta e educador João Paulo Gohar (Cineduc-RJ). O cineasta mineiro Marco Antônio Pereira foi responsável por ministrar as oficinas de Realização Cinematográfica e Edição, momento em que os alunos filmaram e montaram os quatro curtas-metragens desenvolvidos nas oficinas de Roteiro. Os curtas serão exibidos nesta edição da Mostra de Cinema de Gostoso.

Os cursos de formação fazem parte de um trabalho de longo prazo na região de São Miguel do Gostoso que já começa a dar frutos muito satisfatórios. Eles são a base do projeto da Mostra de Cinema de Gostoso e têm se mostrado capazes de promover transformações profundas, permitindo aos alunos vislumbrar a abertura de uma janela de oportunidades e novas visões de mundo.

GOSTOSO LAB

Três projetos de ficção e um de documentário foram selecionados e participarão de atividades de consultoria do Gostoso Lab no período de realização da 6ª Mostra de Cinema de Gostoso. Profissionais experientes da indústria audiovisual brasileira serão tutores dos projetos selecionados: a produtora Daniela Aun; a roteirista Fernanda De Capua; o diretor Marcelo Lordello e o produtor e diretor do BrLab, Rafael Sampaio, responsável pela coordenação geral.

Projetos selecionados:

  • ALMEIDINHA

Ficção

Direção: Gustavo Guedes, Julio Castro

Produção: Raildon Vieira de Lucena Valadares

Sinopse: Almeidinha, lombadista de frigorífico na cidade mais quente do Brasil, sonha em conhecer a neve. Veste-se como praticante de snowboard em seu trabalho, onde ninguém o leva a sério.

  • CALIXTO PASSOU POR AQUI

Documentário

Direção: Wallace Santos, Rodrigo Sena

Produção: Arlindo Bezerra

Sinopse: A vida de Calixto seria contada neste documentário, mas a morte dá vida a um novo filme.

  • NOITE ADENTRO

Ficção

Direção: Diana Coelho

Produção: André Santos

Sinopse: Marília retorna à região de origem de sua família paterna, no sertão potiguar, para desenvolver sua pesquisa de mestrado e se vê diante de tradições seculares que não estava preparada para lidar.

  • REFLEXO

Ficção

Direção: Felipe Rocha Vale Ferreira Da Silva, Ricardo Rubens Morais Nunes

Produção: André Santos

Sinopse: Elisa, uma ex-cantora idosa que perdeu a voz, sequestra Nara, uma jovem cantora que com ela se parece, e busca reviver por meio dela a sua juventude, obrigando-a a cantar suas antigas músicas.

A 6ª Mostra de Cinema de Gostoso é uma realização da Heco Produções, do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC) e da Guajirú Produções. Apresentação: Ministério da Cidadania. Patrocínio: Grupo Banco Mundial, Governo Cidadão, Governo do Rio Grande do Norte – Secretaria de Turismo (SETUR), BRDE, FSA, ANCINE e Sprite. Apoio: Laces, Potiporã, SEBRAE RN, Itograss, Pousada dos Ponteiros, Serveng, Gol, Elo Company, DOT, ETC, Video Shack, Mistika, ON Projeções, BrLab, Marcenaria SMG, Fundação José Augusto e Lei Camara Cascudo. Apoio Institucional: Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso.

O Contador de Causos fará a cobertura completa da Mostra de Cinema de Gostoso em todas as nossas redes sociais. Até qualquer hora!

São Miguel do Gostoso recebe etapa mundial e brasileira de Beach Tennis

POR G7 COMUNICAÇÃO

O “Gostoso São Braz Open de Beach Tennis” acontece de 12 a 14 de julho, na praia de Santo Cristo

Divulgação

Lugar de ventos fortes e uma grande faixa de areia, ideal à prática de muitos esportes e, famosa por acolher atletas de todo o mundo. Assim é a cidade de São Miguel do Gostoso que, mais uma vez, “abre suas portas” para receber um grande evento esportivo. De 12 a 14 de julho, o Beach Tennis Gostoso e a Federação Potiguar de Tênis irão promover o Gostoso São Braz Open de Beach Tennis.

Com a expectativa de receber mais de 300 atletas de vários lugares do Brasil, o evento será composto por uma etapa mundial na categoria ITF 0 e uma etapa brasileira na categoria CBT G1. As duas etapas serão realizadas na praia de Santo Cristo.

As categorias estão divididas da seguinte forma: Profissional, A, B, C, D (iniciante), sub 14 anos, 40+ e 50+ de Simples, Duplas Masculinas e Femininas e Duplas Mistas. A premiação para a categoria profissional será de 10 mil reais e, para a categoria amadora, serão 10 mil reais convertidos em brindes. As disputas valem para a pontuação no ranking mundial, nacional e estadual. O torneio tem o apoio da Associação dos Empreendedores de São Miguel do Gostoso e Região (AeGostoso).

As inscrições para a ITF 0 estão encerradas, mas para a CBT G1, as inscrições seguem até o dia 02 de julho através do site www.tenisintegrado.com.br/new_torneio/index2/24/2019/0/0/7. Atletas que estejam com dificuldade para efetuar a inscrição, entrar em contato pelo e-mail beachtennis@cbtenis.com.br

Programação

Ø  Dia 12/07 – Sexta-feira:

A partir das 9h:
– ITF Profissional Duplas
– Categorias Simples A B C e D
– Categorias Duplas 40+ e 50+

A partir das 12h:
– Categorias Mista A B C D 40+ e 50+

Ø  Dia 13/07 – Sábado:

A partir das 8h:
– Torneio CBT G1 Profissional Duplas
– Categorias Duplas B e C
A partir das 12h:
– Categorias Duplas A e D
– Categorias Duplas sub 14 e transição

Ø  Dia 14/07 – Domingo:

A partir das 8h:
– semifinais e finais.

A partir das 10h:
– Categoria Mista Profissional × programação pode sofrer alterações

PREMIAÇÃO, MANIFESTO, COMEMORAÇÃO: O ENCERRAMENTO DA 5ª MOSTRA DE CINEMA DE GOSTOSO

Ao longo dos últimos cinco dias, população e visitantes puderam ver 43 obras de mais de 15 estados brasileiros.

POR AILTON RODRIGUES
IMAGENS: KARLA CARDOSO

SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

WhatsApp Image 2018-11-27 at 23.18.04
Realizadores que participaram da #5MCG

A noite de terça-feira (28) foi marcada pelo encerramento da 5ª Mostra de Cinema de Gostoso e as emoções da premiação que apontaram os melhores desta edição pelo júri popular, categorias técnicas e a grande novidade que foi a escolha realizada pela imprensa.

O início da cerimônia se deu com o já famoso agradecimento coletivo que os cerimonialistas Eugênio Puppo e Matheus Sundfeld fazem com toda a turma do Coletivo Nós do Audiovisual, que são engrenagem vital para realização do festival.

Na sequência, começaram as premiações que levaram o troféu Luis da Câmara Cascudo e com elas o anúncio de quatro novas categorias: prêmio Elo Company de distribuição, melhor longa metragem, curta metragem e filme Nós do Audiovisual, escolhidos pela imprensa.

Veja abaixo toda relação de vencedores desta 5ª Mostra:

Júri Popular

WhatsApp Image 2018-11-27 at 23.15.57
Luara Iabrudi recebe prêmio por Guaxúma.
  • Curta-metragem: Guaxúma (Nara Normande)
WhatsApp Image 2018-11-27 at 23.15.56
Vinicius Nascimento recebe prêmio por Meu Nome é Daniel
  • Longa-metragem: Meu Nome é Daniel (Daniel Gonçalves)
  • Menção Honrosa: Sócrates (Alex Moratto)

Imprensa

WhatsApp Image 2018-11-27 at 23.16.00
Igor Ribeiro recebe prêmio da imprensa pelo curta Filho de Peixe.
  • Nós do Audiovisual: Filho de Peixe (Igor Ribeiro)
  • Curta-metragem: Catadora de Gente (Mirela Kruel)
  • Longa-metragem: Inferninho (Guto Parente e Pedro Diógenes)

Prêmio Mistika

  • Finalização: P’S (Lourival Andrade)

Prêmio Elo Company

  • Distribuição: Teoria Sobre um Planeta Estranho (Marco Antônio Pereira)
WhatsApp Image 2018-11-27 at 23.18.06
Manifesto dos realizadores foi um dos pontos altos da cerimônia de encerramento

Ainda houve tempo para outro ponto alto da noite. Os realizadores das 43 obras dessa Mostra se uniram e escreveram um manifesto que foi entoado na praia, no documento estavam apelos para que o audiovisual brasileiro não seja alvo de cortes de incentivos e que a Agência Nacional de Cinema (Ancine) considere os curtas-metragens no sistema de pontuação que é empregado atualmente pela entidade com os longas.

O grande adeus da Mostra de Cinema de Gostoso se deu com a sessão de encerramento que exibiu os filmes O Grande Amor de um Lobo, de Adrianderson Barbosa e Kennel Rógis, além do melhor longa metragem do Festival de Gramado: Ferrugem, de Aly Muritiba.

WhatsApp Image 2018-11-27 at 23.18.04 (1)
Kennel Rógis apresenta seu curta metragem o Grande Amor de um Lobo

O Contador encerra aqui a cobertura de mais uma #MostraDeCinemaNoContador. Até qualquer hora!

 

EM NOITE DE FICÇÃO, MOSTRA DE CINEMA CHEGA AO 4° DIA REPLETA DE AVENTURA

Após Seminário, a sessão da Mostra Competitiva na Praia do Maceió foi palco para filmes de ficção

WhatsApp Image 2018-11-27 at 17.57.29
Equipe do curta “Autômato do Tempo”

Seguindo com a programação, a segunda-feira (26) marcou o quarto dia da 5ª Mostra de Cinema de Gostoso com o Seminário “Distribuição para Cinema, TV e Plataformas”, que foi uma verdadeira aula sobre como distribuir filmes, onde o público presente pode aprender um pouco mais sobre o assunto.

Às 8h as crianças da cidade lotaram o auditório do Centro de Cultura para assistirem os filmes da Mostra Infantil. No mesmo local no início da tarde, aconteceu a Mostra Panorama.

Já no finalzinho da manhã, os telespectadores puderam conferir na Pousada dos Ponteiros, o debate com os realizadores dos filmes exibidos na Mostra Competitiva do dia anterior.

WhatsApp Image 2018-11-27 at 14.15.22 (2)
Seminário sobre distribuição de filmes

O fim da tarde foi marcado pelo Seminário, que aconteceu também na Pousada dos Ponteiros às 17h,  mediado por Bárbara Sturm (Elo Company) e Isabelle Cabral  (Pipa Produções), que deram uma verdadeira aula sobre a questão da distribuição de filmes e o que fazer para que eles sejam assistidos por muitas pessoas para que o audiovisual seja distribuído através de vários meios.

Na ocasião foi ressaltado que apenas três estados do nordeste conseguem colocar filmes para distribuição, mesmo assim com resultados frágeis, que são: Pernambuco, Bahia e Paraíba.

E para fechar a noite com chave de ouro, foi exibido na praia do Maceió a Mostra Coletivo Nós do Audiovisual com o filme “Autômato do tempo”, uma ficção científica com direção de Rubens dos Anjos, o curta tem uma pegada de aventura, diferente de tudo o que o Coletivo já havia produzido.

WhatsApp Image 2018-11-27 at 17.57.26
Helio Ronyvon diretor do curta “Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte” falando sobre filme

O espírito aventureiro não parou por aí, foram exibidos na Mostra Competitiva, os curtas: “Teoria sobre um mundo estranho”, do diretor Marco Antônio Pereira, “Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte” com a direção de Helio Ronyvon, e encerrou com o longa-metragem “Inferninho” com direção de Guto Parente e Pedro Diógenes.

Ambos os filmes da penúltima noite da 5ª Mostra de Gostoso fogem do contexto habitual do que o público está acostumado a assistir.

JOGOS FESTIVOS DO 25º ANO DE EMANCIPAÇÃO GOSTOSENSE COMEÇAM COM O FUTEVÔLEI

Categorias adulto e infantil masculina deram o pontapé inicial nas comemorações dos 25 anos de Emancipação Política de Gostoso. 

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

FUTEVOLEI 01

As festividades de comemoração dos 25 anos de Emancipação Política de São Miguel do Gostoso começaram na manhã deste sábado (07) com os torneios de futevôlei masculino nas categorias adulto e infantil.

A estrutura montada na Praia do Maceió tinha duas quadras para que fossem disputadas as partidas, nesta edição 31 duplas foram inscritas e jogaram diante de um considerável público, incluindo quase todos os secretários e o prefeito, Renato de Doquinha.

Foram mais de seis horas de competição, mas depois dessa verdadeira maratona osa vencedores foram: Hudson e Hubner na categoria adulto, derrotando Murilo e Bocão. Já no infantil Michel e José Neri derrotaram Luiz Felipe e Leandro Kaun.

FUTEVOLEI 00

O Contador continua de olho. Até qualquer hora!

 

(Imagens: redes sociais da Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso).

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DOS 25 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA DE SÃO MIGUEL DO GOSTOSO

Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso anunciou que festividades irão ocorrer de 07 a 16 de julho.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

ganhadora corrida feminina
Corrida de Pedestre Feminina

Foi divulgada na manhã desta quarta-feira (04) pelas redes sociais da Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso, a programação dos 25 anos de Emancipação Política que será de 07 a 16 de julho.

O esporte é o cargo chefe da programação, enquanto no dia 16 de julho será feriado municipal. Veja todos os eventos:

07/07 (sábado)

  • 10h – Futevolei Masculino (infantil e adulto) – Praia da Xepa;

08/07 (domingo)

  • 09h – Vôlei de Praia – Praia da Xepa;
  • 19h – Show de Calouros – Centro de Cultura;

09/07 (segunda-feira)

  • 14h – Futsal (masculino) – Ginásio Carlitão.
  • 18h – Futsal (feminino) – Ginásio Carlitão.

10/07 (terça-feira)

  • 08h – Beach Soccer (infantil e adulto feminino) – Praia do Maceió.

11/07 (quarta-feira)

  • 08h – Beach Soccer (adulto masculino) – Praia do Maceió.

12/07 (quinta-feira)

  • 09h – Futebol de campo (adulto masculino) – Teixeirão.
  • 19h – Culto evangélico – Assembleia de Deus.

13/07 (sexta-feira)

  • Mormai de Beach Tennis – Praia do Cardeiro.

14/07 (sábado)

  • Mormai de Beach Tennis – Praia do Cardeiro.
  • Pesca – Reduto.
  • 07h – Corrida de pedestre (masculino e feminino).
  • 09h – Corrida de jegue.
  • 10h – Ciclismo.
  • 14h – Queimada – Praia da Xepa.
  • 19h – Missa em Ação de Graças – Igreja de São Miguel Arcanjo.

15/07 (domingo)

  • Mormai de Beach Tennis – Praia do Cardeiro.
  • 07h – Apresentação do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – Praia da Xepa.
  • 07h – Premiação – Praia da Xepa.
  • 07h – Bolo festivo – Praia da Xepa.
  • 16h – Festa comemorativa – Praia da Xepa.

16/07 (segunda-feira)

  • Feriado municipal.

Nós continuamos de olho. Até qualquer hora!

MUTIRÃO DE LIMPEZA REÚNE ONG’S

TEAR, ASCDEG, AMJUS, AGOKS, Gostoso Recicla e voluntários se reuniram esse sábado (24) para tornar nosso litoral mais limpo.

POR RICARDO ANDRÉ
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

Na manhã desse sábado (24) representantes de diversas ONG’s e grupos de São Miguel do Gostoso/RN realizaram um mutirão de limpeza nas prais da sede do município. No total foram 3 km de orla, da Praia da Rapadura à Ponta do Santo Cristo, e mais de 50 sacos de lixo dos mais variados tipos, os trecho mais complicados foram a Praia do Maceió e a Praia da Xêpa, que merece um cuidado especial, pois ainda estão presentes muitos detritos do Carnaval. Dentro da grande variedade de lixo destaque para as embalagens, sacolas plásticas e isopor.

Uma coisa que chamou muito a atenção foi a quantidade de ninhos de tartarugas, o tipo de material encontrado na praia, sobre tudo o plástico e o isopor é mortal quando ingerido por essa espécie.

Ao final dos trabalhos a Cooperativa Gostoso Recicla fez a triagem do material coletado separando o que é reciclável do que seria descartado. A equipe de limpeza pública também esteve presente e recolheu o material não reciclável e outros detritos pesados.

WhatsApp Image 2018-02-24 at 18.56.37
A gente acha de tudo na praia.
OH0H1735
Já separando o material para triagem (foto: Ariclenes Silva).

OH0H1678

OH0H1661
A vegetação guarda muito lixo principalmente embalagens (foto: Ariclenes Silva).
WhatsApp Image 2018-02-24 at 18.56.30
Grupo que iniciou o mutirão na Praia da Rapadura.
OH0H1756
Esses foram os finalista da aventura desse sábado (foto: Ariclenes Silva)

PREMIAÇÃO, GOSTOSO, LUTAS SOCIAIS: O ÚLTIMO DIA DE MOSTRA DE CINEMA DE GOSTOSO

Encerramento do festival, em noite mágica, premiou filmes que foram abraçados pelo público gostosense.

POR AILTON RODRIGUES
FOTOS ARICLENES SILVA

SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

WhatsApp Image 2017-11-21 at 23.46.57 (1)
Equipe que realizou a 4ª Mostra de Cinema de Gostoso.

O último dia da Mostra de Cinema de Gostoso aconteceu nesta última terça-feira (21) na Praia do Maceió com a cerimônia de encerramento que premiou algumas obras eleitas por júri popular e o resultado demonstrou que o público gostosense prezou pela sensibilidade e pela temática da busca pelos seus direitos.

Conduzido por Eugênio Puppo e Matheus Sundfeld, o anúncio dos vencedores foram sendo mesclados com discursos de vitória pela 4ª edição ter sido um sucesso de crítica e participação popular. Durante as cinco noites da Mostra na Praia passaram cerca de seis mil espectadores e essas constatações podem ser comprovadas quando podemos ver a repercussão da imprensa sobre o evento, como no título da coluna do jornalista Luiz Zanin Oricchio do Jornal O Estado de São Paulo que diz: “Praia recebe ‘o mais belo festival do mundo'”.

Outro ponto marcante foi a escolha dos vencedores, onde além do prêmio Luis da Câmara Cascudo para o melhor longa, melhor curta e menção honrosa tivemos um prêmio especial dado pelas empresas Mistika e Imput, apoiadoras da Mostra, que consistia em um apoio financeiro na pós-produção de uma das obras.

Veja quais foram os vencedores:

PRÊMIO MISTIKA/IMPUT

Leningrado, Linha 41 (Dir: Dênia Cruz)

O curta potiguar “Leningrado, Linha 41” mostrava a história da ocupação da comunidade que recebe o nome da cidade russa pelas lideranças se reconhecerem na figura de Lênin. Ainda hoje alguns deles estão buscando pelo direito da moradia.

O filme causou muitos questionamentos, principalmente por se tratar de uma organização coletiva que conseguiu obter resultados como a aquisição de uma linha de ônibus para a comunidade, porém ainda faltam políticas públicas e reconhecimento do governo.

“É uma oportunidade e tanto! Realmente fazer cinema é um desafio, mas é uma honra ser interlocutora de histórias como a de Leningrado. Esse prêmio é para nós!”, disse a diretora Dênia Cruz.

MENÇÃO HONROSA

Gabriel e a Montanha (Dir: Felipe Barbosa)

WhatsApp Image 2017-11-21 at 23.46.54
Matheus Sundfeld, Bruno Beauchamps, João Pedro Zappa e Eugênio Puppo (esq. para dir.)

A história sensível e real de Gabriel Buchmann cativou tanto o público gostosense que concedeu a menção honrosa do festival ao filme. O ator que interpretou Gabriel, João Pedro Zappa, estava em São Miguel do Gostoso e demonstrou muita felicidade com o prêmio:

“Quero agradecer a todo mundo pelo prêmio. Desejo muito voltar aqui, eu estou muito feliz. Agradeço também a Eugênio e o Matheus por terem tido a sensibilidade de reexibirem o filme, foi tudo lindo”, declarou João Pedro Zappa.

MELHOR CURTA METRAGEM

No Fim de Tudo (Dir: Victor Ciriaco)

WhatsApp Image 2017-11-21 at 23.46.53
Hélio Ronyvon comemora prêmio de Melhor Curta da Mostra.

O curta, que tem DNA potiguar, levantava a bandeira do amor LGBT dentro da sua própria casa, da aceitação e de que o amor pode e deve ser maior do que qualquer rótulo. Pelo visto, esta mensagem foi entendida pelo público que elegeu o filme como melhor curta desta edição.

“Esse filme falava sobre amor e memória, é sobre como a gente precisa lutar para que dentro dos nossos lares tenhamos mais afeto”, disse o roteirista Hélio Ronyvon.

MELHOR LONGA METRAGEM

Escolas em Luta (Dir: Rodrigo Marques, Eduardo Consonni e Tiago Tambelli)

WhatsApp Image 2017-11-21 at 23.46.52
Emocionado, Rodrigo Marques comemora prêmio de Melhor Longa da Mostra.

Quando a sociedade se reúne, a coisa dá certo! Essa pode ser uma das principais mensagens do longa eleito por júri popular na Mostra de Cinema de Gostoso. A luta dos estudantes para evitar que escolas paulistas fossem fechadas pelo governo, ganhou as ruas gostosenses e fez soar esperança no meio de uma onda de descontentamento que o país vive na política atual.

“A gente vem de São Paulo e traz para o Rio Grande do Norte um filme de luta pelos estudantes. Temos que lutar por essa molecada! Abaixo escola sem partido!”, declarou o emocionado diretor Rodrigo Marques.

WhatsApp Image 2017-11-21 at 23.46.57 (2)
Elenco de A Rotação da Terra, dirigido por Matheus Sundfeld.

Na última sessão da noite, tivemos dois filmes que deram o gostinho de quero-mais ao festival. O curta “A Rotação da Terra” dirigido por Matheus Sundfeld teve como plano de fundo São Miguel do Gostoso e um cenário que se tornou parte da paisagem do município: os parques eólicos.

Além disso, a obra contou com atuação de atores locais como o surpreendente Eurílio Viana proveniente da comunidade do Antônio Conselheiro que deu um show de interpretação. A subjetividade e sensibilidade da trama também comoveu os espectadores que aplaudiram muito no final.

Na sequência, a Mostra deu seu último ato com o longa “Jonas e o Circo Sem Lona” que brincou com a ideia de que você deve lutar pelos seus sonhos, mesmo sendo uma criança.

O Contador já está com saudades da Mostra de Cinema de Gostoso! Mas estaremos juntos na 5ª edição!

Nós continuamos de olho, até qualquer hora!