6ª MOSTRA DE CINEMA DE GOSTOSO SERÁ A MAIS FEMININA E NORDESTINA, VEJA LISTA COMPLETA DE FILMES

Evento acontece de 08 a 12 de novembro e terá 35 obras exibidas.

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

praia1

A Mostra de Cinema de Gostoso é um evento que já entrou no calendário do cinema nacional, isso porque o charme da cidade litorânea onde o vento faz a curva cativa aos visitantes e além disso tem uma estrutura de alto nível para que o evento proporcione sensações únicas. Durante esta semana a organização do evento apresentou o “cardápio” deste novo encontro, ou seja, a programação de filmes que serão exibidos durante os dias 08 a 12 de novembro.

Com 600 cadeiras espreguiçadeiras, tela de 12m x 6,5m, projeção com resolução 2K e som 5.1, a sala propicia uma experiência imersiva como a de uma sala de cinema de alta tecnologia. Com mais de 2.000 pessoas por noite, todas as cadeiras e parte da faixa de areia ficam ocupadas pelo público. Além disso, uma área de convivência é montada antes do acesso à sala, com praça de alimentação e espaço para comerciantes locais.

A programação conta com a Mostra Competitiva onde a votação por juri popular elegerá os melhores filmes do festival e ainda concorrem aos prêmios de finalização das empresas Mistika e DOT Cine; aos prêmios de recursos de acessibilidade das empresas ETC Filmes e Video Shack e de aquisição da distribuidora Elo Company. Além de tudo, também será concedido o Prêmio da Imprensa, a partir da votação de jornalistas e críticos de cinema presentes na Mostra.

praia2

O evento também promove debates com produtores, diretores e atores dos filmes exibidos e, um seminário sobre o mercado audiovisual. Inclusive, neste ano, a Mostra de Cinema de Gostoso, em parceria com o BrLab, criou a 1ª edição do Gostoso Lab, laboratório para projetos de longa-metragem em fase de desenvolvimento, voltado aos realizadores do Rio Grande do Norte. O Gostoso Lab foi criado com o intuito de dinamizar a produção audiovisual do estado, buscando aproximá-la de novos colaboradores que darão suporte para o enriquecimento do processo criativo de novos projetos. Toda a programação é gratuita.

SOBRE OS FILMES SELECIONADOS

Nesta 6ª edição serão exibidas 35 obras que pretendem envolver o público com histórias emocionantes e tipicamente com a linguagem brasileira de se fazer cinema. Veja os selecionados:

MOSTRA COMPETITIVA

Longa Metragem - FENDAS RN
Cena de Fendas, uma obra potiguar dirigida por Carlos Segundo.

LONGAS-METRAGENS

  • CASA (Dir.: Letícia Simões, Documentário, 93MIN, PE, 2019)
  • FENDAS (Dir.: Carlos Segundo, Ficção, 80min, RN, 2019)
  • PACARRETE (Dir.: Allan Deberton, Ficção, 97min, CE, 2019)
  • VERMELHA (Dir.: Getúlio Ribeiro, Ficção, 78MIN, GO, 2019)

CURTAS-METRAGENS

  • A PARTEIRA (Dir.: Catarina Doolan, Documentário, 20min, RN, 2018)
  • EM REFORMA (Dir.: Diana Coelho, Ficção, 20min, RN, 2019)
  • MARIE (Dir.: Leo Tabosa, Ficção, 25min, PE, 2019)
  • PLANO CONTROLE (Dir.: Juliana Antunes, Ficção, 15min, MG, 2018)
  • QUEBRAMAR (Dir.: Cris Lyra, Documentário, 27min, SP, 2019)
  • SETE ANOS EM MAIO (Dir.: Affonso Uchôa, Documentário, 42min, MG, 2019)

MOSTRA PANORAMA

LONGAS-METRAGENS

  • AMBIENTE FAMILIAR (Dir.: Torquato Joel, Ficção, 90min, PB, 2019)
  • CHÃO (Dir.: Camila Freitas, Documentário, 110min, DF, 2019)
  • DIZ A ELA QUE ME VIU CHORAR (Dir.: Maíra Bühler, Documentário, 86min, SP, 2019)
  • A MULHER DA LUZ PRÓPRIA (Dir.: Sinai Sganzerla, Documentário, 74min, SP, 2019)

CURTAS-METRAGENS

  • CRUA (Dir.: Diego Lima, Ficção, 20min, PB, 2019)
  • IMAGENS DE UM SONHO (Dir.: Leandro Olimpio, Documentário, 20min, SP, 2019)
  • LOOPING (Dir.: Maick Hannder, Ficção, 12min, MG, 2019)
  • PRIMEIRO ATO (Dir.: Matheus Parizi, Ficção, 19min, SP, 2018)

SESSÕES ESPECIAIS

20190823-bacurau-1200x675
Cena de Bacurau, um dos filmes mais aguardados desta edição da Mostra.
  • BACURAU (Dir.: Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, Ficção, 131min, PE, 2019)
  • A NOITE AMARELA (Dir.: Ramon Porto Mota, Ficção, 102min, PB, 2019)

MOSTRA COLETIVO NÓS DO AUDIOVISUAL

  • ANDO ME PERGUNTANDO (Dir.: Clara Leal, Ficção, 15min, RN, 2019)
  • CARTA BRANCA (Dir.: Rubens dos Anjos e Levi Jr., Ficção, 15min, RN, 2019)
  • JÚLIA PORRADA (Dir.: Igor Ribeiro, Documentário, 15min, RN, 2019)
  • LABIRINTEIRAS (Dir.: Renata Alves, Documentário, 15min, RN, 2019)

MOSTRA INFANTIL

  • AS INVENÇÕES DE AKINS (Ulísver Silva, Ficção, 32min, MS, 2018)
  • CASCUDOS (Igor Barradas, Ficção, 18min, RJ, 2018)
  • LILY’S HAIR (Raphael Gustavo da Silva, Ficção, 15min, GO, 2019)
  • MACACO ALBINO: SISO (Leandro Robles, Animação, 6min, SP, 2019)
  • NÃO ACORDE (Roberto Rogato, Ficção, 2min, SP, 2018)
  • O VÉU DE AMANI (Renata Diniz, Ficção, 15min, DF, 2019)
  • OS CHOCOLIX (Elizabeth Mendes, Animação, 7min, SP, 2018)
  • OS DOIS LADOS DA MOEDA (Everton Pereira, Felipe Machado, Juliana Vieira, Nathalia Amorim, Rodrigo Xavier e Thais Fraga, Ficção, 4min, RJ, 2006)
  • OS TRÊS PRIMOS (Bruno Pereira, Ficção, 11min, RJ, 2019)
  • PARABÉNS A VOCÊ (Andréia Kaláboa, Ficção, 20min, PR, 2019)
  • UM BEIJO PARA SOFIA (Calleb Jangrossi, Ficção, 16min, SP, 2018)

Contudo, o Contador de Causos analisou as estatísticas do evento e constatou números interessantes. O primeiro deles é em relação a representatividade feminina, a edição de 2019 será a de maior participação delas: 39% das obras que serão exibidas são dirigidas por mulheres, o que corresponde a 16 diretoras. Só para termos um comparativo, em 2018 apenas 10 delas dirigiram filmes que foram exibidos na Mostra.

Continuando, outro dado importante é o de número de obras nordestinas no festival. Apesar do predomínio maciço do sudeste como maior fornecedor de filmes para o evento, em 2019 a programação exibirá nada mais, nada menos que 40% de filmes da Região Nordeste, só na Mostra Competitiva dos 10 que concorrem ao Troféu Luís da Câmara Cascudo, 6 são da região mais forrozeira do Brasil.

Apesar da escalação forte de obras já premiadas em inúmeros festivais pelo Brasil e pelo mundo, esta edição será a que tem menos filmes na grade. Veja o comparativo:

EDIÇÃO

NÚMERO TOTAL DE FILMES EXIBIDOS

2019

35

2018

43

2017

51

2015

46

2014

63

2013

51

TOTAL

289

A explicação dada pela curadoria do evento ao Contador é que a programação foi ajustada para dar a melhor experiência aos prestigiadores. Alguns curtas selecionados tem um tempo de duração maior, além disso será exibido apenas um curta por dia na Mostra Panorama, o que até então jamais havia acontecido.

CURSOS DE FORMAÇÃO

Desde sua primeira edição, a Mostra de Cinema de Gostoso oferece a jovens de São Miguel do Gostoso e distritos dos arredores uma série de cursos de formação técnica e audiovisual. Os cursos são realizados meses antes do início da Mostra e têm como objetivo proporcionar aos jovens o domínio de diversas áreas da produção cinematográfica. São transmitidos conhecimentos teóricos e práticos, abordando temas como história do cinema, elementos de linguagem audiovisual, produção, fotografia e roteiro. O conhecimento adquirido pelos alunos é colocado em prática com a realização de curtas-metragens e a participação direta na equipe de organização da Mostra de Cinema de Gostoso.

Tanto as temáticas que envolvem os cursos quanto os filmes produzidos são pensados dentro de uma lógica de valorização das tradições e costumes da comunidade. Os alunos são incentivados a explorar o imaginário cotidiano de São Miguel do Gostoso ao elaborarem seus roteiros, dentro de um processo de reconhecimento da cultura local. Dessa forma, eles acabam por refletir sobre o ambiente em que vivem de maneira crítica e cultivam a formação de suas identidades. Em 2013, os próprios alunos criaram o Coletivo Nós do Audiovisual e desde então já participaram de 45 oficinas e realizaram 19 curtas-metragens, que foram selecionados em diversos festivais de cinema no Brasil.

Em 2019, os alunos participaram de seis oficinas: Linguagem Audiovisual, Roteiro I e II, Realização Cinematográfica I e II e Edição. As três primeiras oficinas foram ministradas pelo cineasta e educador João Paulo Gohar (Cineduc-RJ). O cineasta mineiro Marco Antônio Pereira foi responsável por ministrar as oficinas de Realização Cinematográfica e Edição, momento em que os alunos filmaram e montaram os quatro curtas-metragens desenvolvidos nas oficinas de Roteiro. Os curtas serão exibidos nesta edição da Mostra de Cinema de Gostoso.

Os cursos de formação fazem parte de um trabalho de longo prazo na região de São Miguel do Gostoso que já começa a dar frutos muito satisfatórios. Eles são a base do projeto da Mostra de Cinema de Gostoso e têm se mostrado capazes de promover transformações profundas, permitindo aos alunos vislumbrar a abertura de uma janela de oportunidades e novas visões de mundo.

GOSTOSO LAB

Três projetos de ficção e um de documentário foram selecionados e participarão de atividades de consultoria do Gostoso Lab no período de realização da 6ª Mostra de Cinema de Gostoso. Profissionais experientes da indústria audiovisual brasileira serão tutores dos projetos selecionados: a produtora Daniela Aun; a roteirista Fernanda De Capua; o diretor Marcelo Lordello e o produtor e diretor do BrLab, Rafael Sampaio, responsável pela coordenação geral.

Projetos selecionados:

  • ALMEIDINHA

Ficção

Direção: Gustavo Guedes, Julio Castro

Produção: Raildon Vieira de Lucena Valadares

Sinopse: Almeidinha, lombadista de frigorífico na cidade mais quente do Brasil, sonha em conhecer a neve. Veste-se como praticante de snowboard em seu trabalho, onde ninguém o leva a sério.

  • CALIXTO PASSOU POR AQUI

Documentário

Direção: Wallace Santos, Rodrigo Sena

Produção: Arlindo Bezerra

Sinopse: A vida de Calixto seria contada neste documentário, mas a morte dá vida a um novo filme.

  • NOITE ADENTRO

Ficção

Direção: Diana Coelho

Produção: André Santos

Sinopse: Marília retorna à região de origem de sua família paterna, no sertão potiguar, para desenvolver sua pesquisa de mestrado e se vê diante de tradições seculares que não estava preparada para lidar.

  • REFLEXO

Ficção

Direção: Felipe Rocha Vale Ferreira Da Silva, Ricardo Rubens Morais Nunes

Produção: André Santos

Sinopse: Elisa, uma ex-cantora idosa que perdeu a voz, sequestra Nara, uma jovem cantora que com ela se parece, e busca reviver por meio dela a sua juventude, obrigando-a a cantar suas antigas músicas.

A 6ª Mostra de Cinema de Gostoso é uma realização da Heco Produções, do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC) e da Guajirú Produções. Apresentação: Ministério da Cidadania. Patrocínio: Grupo Banco Mundial, Governo Cidadão, Governo do Rio Grande do Norte – Secretaria de Turismo (SETUR), BRDE, FSA, ANCINE e Sprite. Apoio: Laces, Potiporã, SEBRAE RN, Itograss, Pousada dos Ponteiros, Serveng, Gol, Elo Company, DOT, ETC, Video Shack, Mistika, ON Projeções, BrLab, Marcenaria SMG, Fundação José Augusto e Lei Camara Cascudo. Apoio Institucional: Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso.

O Contador de Causos fará a cobertura completa da Mostra de Cinema de Gostoso em todas as nossas redes sociais. Até qualquer hora!

Autor: Ailton Rodrigues

Técnico em Informática (IFRN), que adora esportes e jornalismo, estando sempre disponível para bons papos. Coordenador de Comunicação do clube de futebol TEC (Tabua Esporte Clube), membro do Conselho do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC), comunicador da Mostra de Cinema de Gostoso. Atualmente aluno de Licenciatura em Pedagogia (UFRN).