GRUPO C: VITÓRIA SOFRE, MAS VIRA JOGO E BOCA JUNIORS ATROPELA PORTO SEM PIEDADE

Com 13 gols em duas partidas, grupo C teve goleada impressionante do Boca Juniors sobre o Porto por 8 a 2.

POR AILTON RODRIGUES
FREJÓ, S.M. DO GOSTOSO/RN

Na tarde deste último sábado (07) foi dada a largada para o grupo C da Copa do Sítio e de cara o maior destaque foi a goleada do Boca Juniors (Antônio Conselheiro) sobre o Porto (Praia do Marco) por 8 a 2. Na partida preliminar, o Vitória (Morros) venceu o Paraíso (Paraíso) com muitas dificuldades, mas de virada por 2 a 1.

Veja os destaques da rodada:

PARAÍSO 1 x 2 VITÓRIA – MOR

Gols: PAR – Rafael Garcia / VMO – Rodrigo, Messias.

30530578_1639376642798914_2099696866907127808_o

A partida entre estes clubes foi morna. No primeiro tempo o Paraíso começou a todo vapor e logo saiu na frente com um gol olímpico de Rafael Garcia, com isso o clube dos Morros não viu a cor da bola.

O pecado do Paraíso foi não matar o jogo quando devia, nisso o Vitória começava a perder chances (uma delas, inclusive, era digna de inacreditável futebol clube já que João fez o favor de perder um gol sem goleiro). A virada começou com a entrada iluminada de Rodrigo que em cinco segundos após sair do banco de reservas recebeu a bola em profundidade e tocou para o fundo das redes empatando o jogo.

Dois lances depois, uma bola cruzada achou Messias dentro da pequena área que só teve o trabalho de desviar e correr para o abraço. Após isso, nada demais no jogo, porém o Paraíso deveria ter aprendido a lição.

BOCA JUNIORS 8 x 2 PORTO

Gols: POR – Lucas, Diego / BOC – Leandro (2x), Josiedson, Lidayano, Eremilson, Denilton, André, Robson.

30441482_1639377276132184_3486760381966188544_o

Bom, como podemos descrever esse jogo? Impressionante, poderia ser a palavra que definiria bem como foi esta partida. Foram 10 gols (7 deles só no segundo tempo) de nove autores diferentes, culminando em um verdadeiro pesadelo para o Porto.

O clube da Praia do Marco até começou bem, saiu na frente com Lucas batendo na saída do goleiro José Ferreira. Mas, logo na sequência sofreu o empate com um chute rasteiro de Josiedson, logo no finalzinho do primeiro tempo, Leandro virou para 2 a 1.

Na segunda etapa, o negócio descambou para o Porto, com o time visivelmente cansado e sem opções no banco de reservas o clube só assistiu ao Boca Juniors desfilar seus gols… Ah, ainda conseguiu fazer outro gol com Diego, mas a partida já estava sacramentada com um sonoro 8 a 2.

Não havia nem o que argumentar, o Boca termina a rodada como líder e de quebra com o ataque mais positivo da competição até o momento.

Nós continuamos de olho na Copa do Sítio. Até qualquer hora!

Autor: Ailton Rodrigues

Técnico em Informática (IFRN), que adora esportes e jornalismo, estando sempre disponível para bons papos. Coordenador de Comunicação do clube de futebol TEC (Tabua Esporte Clube), membro do Conselho do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC), comunicador da Mostra de Cinema de Gostoso. Atualmente aluno de Licenciatura em Pedagogia (UFRN).