LONGAS DA MOSTRA COMPETITIVA TRAZEM HISTÓRIAS FORTES E JÁ PREMIADAS POR FESTIVAIS

Confira as curiosidades e sinopses dos longas metragens que concorrem a Mostra Competitiva em São Miguel do Gostoso.

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

Mostra competitiva capa
Arábia, Café Com Canela e Gabriel e a Montanha já rodaram os festivais do Brasil (Foto: Reprodução).

A Mostra Competitiva da 4ª edição da Mostra de Cinema de Gostoso, que acontece de 17 a 21 de novembro, promete ser uma das mais disputadas. Os quatro longas metragens que concorrem neste ano já foram reconhecidos por grandes festivais nacionais e trazem histórias marcantes que prometem deixar os espectadores indecisos na hora de escolher.

O Contador resolveu trazer para você as sinopses das obras e falar um pouco sobre estes grandes filmes que abrilhantarão a Praia do Maceió na Mostra Competitiva que já tem o prazer de ter como palco um mega telão a beira mar. Veja:

ARÁBIA (2017)

 

Direção: Affonso Uchôa e João Dumans / 96 min / Classificação: 16 anos.

arábia
Cena de Arábia (Foto: Reprodução).

A história de Arábia se passa no estado de Minas Gerais entre as cidades de Contagem e Ouro Preto e traz grandes lições sobre o abismo social brasileiro tratando a vida de um trabalhador braçal chamado Cristiano (Aristides de Sousa) que narra a história.

O interessante é que essa dobradinha dos diretores Affonso Uchôa e João Dumans não vem de agora, eles já trabalharam juntos no filme A Vizinhança do Tigre, onde Dumans era o roteirista. Com Arábia eles já rodaram alguns festivais como o Festival de Roterdã e o Festival de Brasília onde ganhou os prêmios de melhor filme, montagem, trilha sonora e ator com Aristides de Sousa.

Veja o trailer de Arábia:

CAFÉ COM CANELA (2017)

Direção: Ary Rosa e Glenda Nicácio / 102 min / Classificação: Livre.

café com canela
Cena de Café Com Canela (Foto: Reprodução).

A trama de Café Com Canela mostra como plano de fundo a cidade de Cachoeira localizada no Recôncavo Baiano e trás Margarida que vive isolada da sociedade após perder o filho. Ela se separa do marido Paulo e perde o contato com os amigos e pessoas próximas. Determinado dia, Violeta bate a sua porta. Trata-se de uma ex-aluna de Margarida, que assume a missão de devolver um pouco de luz àquela pessoa que havia sido tão importante para ela na juventude.

Esta primeira obra dos diretores, foi premiada no Festival de Brasília com o prêmio de melhor roteiro (escrito pelo próprio Ary Rosa) e melhor atriz com Valdinéia Soriano.

“Café Com Canela tem esse cuidado de trazer a representatividade feminina e negra para um primeiro plano e trazer subjetividade para esses sujeitos”, disse Glenda Nicácio.

Veja o trailer de Café Com Canela:

ESCOLAS EM LUTA (2017)

Direção: Eduardo Consonni, Rodrigo T. Marques e Tiago Tambelli / 77 min / Classificação: Livre

ESCOLAS_EM_LUTA_3-1024x576
Cena do documentário Escolas Em Luta (Foto: Reprodução).

No estado mais rico e um dos mais conservadores do Brasil, o modus operandi da educação pública sofre um revés quando estudantes secundaristas reagem ao decreto oficial que determina o fechamento de 94 escolas e a realocação dos alunos. A resposta estudantil surpreende.

Eduardo Consonni foi integrante é cofundador e um dos diretores da produtora Complô e, desde 2005, realiza documentários e desenvolve metodologias de ensino utilizando o audiovisual, com foco na investigação do cotidiano como fonte da poética documental.

Rodrigo T. Marques é montador e trabalha como documentarista e educador na área do audiovisual. É cofundador e um dos diretores da produtora Complô.

Tiago Tambelli é pesquisador documentarista. Atua como produtor, diretor, roteirista e diretor de fotografia e trabalhou com os diretores Rogério Sganzerla, Walter Carvalho, Isa Grinspum, Roberto Moreira, Susanna Lira, Jeferson De, Sérgio Machado, Evaldo Mocarzel, Martín Duplaquet e entre outros, em filmes documentário e ficção.

Trailer de Escolas em Luta:

GABRIEL E A MONTANHA (2017)

Direção: Felipe Barbosa / 131 min / Classificação: 14 anos.

gabriel e a montanha
Cena de Gabriel e a Montanha (Foto: Reprodução).

A trama conta a história real de Gabriel Buchmann (interpretado por João Pedro Zappa) que tinha um grande sonho: conhecer a África. Entretanto, mais do que visitar seus pontos turísticos ele desejava conhecer como era o estilo de vida do africano, sem se passar por turista. Desta forma, decide encerrar sua viagem ao mundo justamente no continente, onde se envolve com vários habitantes locais e recebe a visita da namorada, Cristina (Caroline Abras), que mora no Brasil. Prestes a retornar, seu grande objetivo se torna alcançar o topo do monte Mulanje, localizado no Malawi.

O filme do Felipe Barbosa já viajou no Festival de São Paulo, Festival do Rio e ganhou dois prêmios em nada mais, nada menos do que no Festival de Cannes. Além de ser muito bem criticado pela imprensa.

“Gabriel e a Montanha não tem sequer um plano rodado no Brasil. E, no entanto, é difícil imaginar um filme mais inteiramente brasileiro”, disse o crítico Inácio Araújo da Folha.

Veja o trailer de Gabriel e a Montanha:

 O Contador vai ficar de olho na Mostra de Cinema, acompanhe a nossa cobertura especial! Até qualquer hora!

 

Fontes Consultadas:

O CONTADOR VIU: STRANGER THINGS 2

POR IASLAN NASCIMENTO

Olá,olá amigos! Coisas sinistras aconteceram em Hawkings essa semana, vem comigo saber mais. Viagem sem spoilers.

maxresdefault

A segunda temporada de Strager Things estreou no dia 27 de outubro no serviço de streaming Netflix. Depois da primeira temporada incrível, que de cara fez milhares de fãs, a segunda chegou com uma proposta mais sombria e com novos personagens inseridos na trama, além de aprofundar os personagens da primeira temporada.

st2_vertical-main_pre_bpoPrimeiro poster liberado pela Netflix. 

Vamos analisar essa temporada por partes. Vamos começar pelo grupo principal, composto por Mike (Finn Wolfhard), Dustin (Gaten Matarazzo), Will (Caleb McLaughlin) e Lucas (Caleb McLaughlin).  O Mike (que junto com a Eleven protagonizaram a primeira temporada), na minha opinião teve pouco mudança e até pouco destaque, em outras palavras eu não percebi que ele evoluiu na história como um todo, o que não podemos dizer do Will que foi o dono da temporada, toda a trama se desenvolveu em torno dele e vou ser muito sincero o Noah Schnapp que interpreta o Will atuou muito, mas muito mesmo, tem algumas cenas que ele fez que eu não vi nem atores renomados fazerem com tanta perfeição.

'Stranger Things 2' TV show premiere, Arrivals, Los Angeles, USA - 26 Oct 2017
Elenco infantil da Série. Da esquerda p/ direita estão: Will(Caleb McLaughlin) ,Dustin (Gaten Matarazzo), Eleven (Millie Bobby Brown), Max (Sadie Sink) , Lucas (Caleb McLaughlin) e Mike (Finn Wolfhard).

Os outros dois do grupo também ganham mais espaço tanto o Lucas que em alguns momentos da primeira temporada era meio esquecido, e nessa tem bastante destaque tento vários momentos importantes na trama e com mais minutos em tela. O Dustin assim como a primeira temporada continua sendo o alivio cômico da série, e funciona muito bem, além disso o personagem desenvolve uma boa relação com o Steve (Joe Keery) durante os episódios, e se tornou uma das melhores amizades para se acompanhar durante a temporada. Os personagens que mais mostraram evolução (aprofundamento da trama pessoal) foram: Lucas, Dustin, Steve e o Will que foi o “principal” da temporada por ser o elo com o mundo invertido nessa temporada.

27-stranger-things-steve-dustin.w710.h473
Uma amizade improvável: Dustin e Steve. A melhor amizade da temporada!

Os personagens secundários e os novos personagens. De novos personagens temos três que considero os mais relevantes o Bob (Sam Austin conhecido pelo papel de Sam o melhor amigo de Frodo em O Senhor dos Anéis e verdadeiro herói da terre-média ) que é namorado da Joyce Bayers (Winona Ryder) a mãe do Will, temos também a Max (Sadie Sink) que integra o grupo dos nossos aventureiros e o meio irmão dela o Billy (Dacre Montgomery ) que é o valentão e de certa forma o vilão do mundo “real”. De personagens secundários continuamos com o delegado Jim Hopper (David Harbour) que agora cuida da Eleven e a mãe do Will que agora não deixa o menino dá um passo sem ela saber rsrs. Gosto do modo como se comporta os personagens secundários na trama de certa forma eles são muito bem aproveitados.

A trama. Nessa temporada temos uma trama mais focada no Will, já que o personagem é a nossa ligação com o mundo invertido. Gostei muito como a trama foi se desenvolvendo, temos nessa temporada 9 episódios 1 a mais do que a temporada anterior, mas esse 1 episódio a mais tem gerado certa polêmica entre os fãs. O episódio em questão é o sétimo episódio um episódio focado na Eleven (Millie Bobby Brown), concordo com a maioria dos fãs o episódio é bastante desconexo com o resto da temporada parece até um piloto no meio da temporada (Piloto é o nome dado ao primeiro episódio da primeira temporada de todas as séries). Voltando para a trama principal, ela está de fato mais sombria que a primeira, os ataques de certa forma mais violentos, mostrando que a situação é pior que a anterior. Gostei do ritmo, das piadas, das referências e olhe que são muitas, em determinado momento eles chegam a tirar sarro da própria série e isso foi fantástico.

stranger-things-season-2_r1zv

A Eleven. Nessa temporada ficamos sabendo o que aconteceu com a Eleven pós os fatos que ocorreram ao final da primeira temporada. Em muitos momentos ela foi tratada como um personagem a parte, pois estava longe do grupo principal e de certa forma era difícil conectar as tramas. De qualquer forma a personagem seguiu seu próprio caminho. Houve sim uma grande evolução da personagem é claramente perceptível ao fim da temporada, por mais que dessa vez, pelo menos na minha opinião o arco dela foi o mais chato comparando com o resto do grupo principal.

Acho que falei bastante já rsrs se falar mais um pouco posso dar muitos spoilers. Essa temporada tem muitos pontos positivos, está de fato melhor que a primeira é claramente visível. Alguns personagens como o Dustin que todos já amavam vão amar mais ainda, outros como o Steve que você provavelmente não gostava, vai passar a gostar, muito por sinal rsrs. E aconselho que você vá imediatamente ver a segunda temporada.

Ainda está aqui!? Tá esperando o que Menino ou menina vai lá logo assistir esses bagulhos sinistros. Até mais!!