MORADORES DA TABUA, REDUTO E SEDE RECLAMAM DE FALTA DE ÁGUA 

As redes sociais foram o canal usado para as reclamações, além do Facebook pelo app de mensagens Whatsapp alguns áudios chegaram na nossa redação.

POR AILTON RODRIGUES

SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

O assunto não é novo, mas continua a ser uma dor de cabeça em São Miguel do Gostoso, a falta de água volta e meia aparece aqui no Contador e mais uma vez a reclamação veio por meio das redes sociais.

Tabua e algumas ruas da sede estão com abastecimento suspenso por causa de bombas que estão quebradas. Na Tabua já completou mais de uma semana e alguns moradores mandaram mensagens pelo whatsapp:

“Mais um dia sem água, me desculpem pelo desabafo, mas já está ficando sério (…) O povo tá todo reclamando e ninguém toma uma atitude”, disse uma das moradoras.

“Estamos a mais de uma semana sem água. Os representantes daqui já foram avisados, mas nada é informado, nem previsão para solução. Disseram que já tiraram a bomba, mas não sabemos”, disse outra.

Na comunidade do Reduto o problema é a pouca água que circula nos canos, em algumas residências a evasão da água é insuficiente para escoar nas torneiras. De acordo com a vereadora Micarla Catarina, um técnico já foi ao local e disse que a água contida no lençol freático atual está pouca e que a solução poderia estar na escavação de outro poço.

Na sede do município algumas ruas como a dos Dourados, Ostras e o centro da Avenida dos Arrecifes são os pontos mais críticos.

Procuramos o Secretário de Administração, Hugo Monteiro, e ele nos deu explicações para os problemas citados:

  • Na Tabua, a bomba está em fase de concerto e a previsão é de que na próxima segunda-feira (22) seja instalada na comunidade. Ainda neste sábado (20) um carro pipa iria abastecer a caixa de água.

Carro pipa abastecendo a Tabua na manhã de sábado (20)

  1. Quanto a sede, as bombas também estão em fase de conserto e que o problema é complicado devido aos contratempos de logística, uma vez que essas bombas quebradas são retiradas, vão para Natal ser concertadas e voltam para a reinstalação.

  • Na comunidade do Reduto, o problema é que alguns moradores estão desviando o fluxo de água com bombas paralelas e com isso a evasão seria insuficiente para todos. A solução pensada é a limpeza da caixa e a reativação de uma nova bomba onde a água fosse direta para caixa e assim ser distribuída.

O secretário ainda nos informou que os problemas estão sendo sanados, mas que requer paciência da população, pois a logística dos consertos é demorada.

Nós continuamos de olho. Até qualquer hora!

Autor: Ailton Rodrigues

Técnico em Informática (IFRN), que adora esportes e jornalismo, estando sempre disponível para bons papos. Coordenador de Comunicação do clube de futebol TEC (Tabua Esporte Clube), membro do Conselho do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC), comunicador da Mostra de Cinema de Gostoso. Atualmente aluno de Licenciatura em Pedagogia (UFRN).