EM BREVE TERÁ CONFECÇÃO DE CARTEIRAS DO ARTESÃO EM GOSTOSO

Uma ação da Prefeitura Municipal de São Miguel do Gostoso através da Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social – SEMTHAS com a parceria da Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e assistência Social – SETHAS/RN.

 Por Auxiliadora Ribeiro – São Miguel do Gostoso/RN

Por meio de uma solicitação da SEMTHAS – São Miguel do Gostoso, a equipe do Programa Estadual de Artesanato – PROART da SETHAS – Natal/RN estará vindo em breve a São Miguel do Gostoso para confeccionar carteiras do artesão. A ação será no Centro de Múltiplo Uso e assim que for confirmada a data, será divulgada nos meios de comunicação.

Por enquanto, recomenda-se que os artesãos gostosenses providenciem o que é necessário para ter direito a carteira:  foto 3×4, xérox da identidade, CPF e comprovante de residência. E deverá levar também duas peças do seu artesanato para ser avaliado.

Se você é um artesão fique ligado na data que ainda será divulgada e se programe antecipadamente. Se você conhece algum artesão não deixe-o perder essa oportunidade.

O Contador está de olho em tudo e conta para você!

Fotografia: Ariclenes Silva.

COM PÊNALTI DADO PELO ASSISTENTE, SÃO PAULO BATE VASCO E SE CLASSIFICA PARA AS SEMIFINAIS

Jogo nervoso entre São Paulo e Vasco só foi decidido com um pênalti assinalado pelo assistente, no juvenil Vasco se garante com um maiúsculo 2 a 0.

POR AILTON RODRIGUES
ANT. CONSELHEIRO, S.M. DO GOSTOSO/RN

O grupo A chegou ao seu fim neste último domingo (07) com o duelo emocionante entre São Paulo e Vasco no Antônio Conselheiro.

A missão para cada clube era bem simples: bastava vencer! O empate em 0 a 0 dava a classificação para Portuguesa e o 1 a 1 deixaria a decisão para o critério dos cartões amarelos.

Pelo juvenil, a partida foi mais quente com direito a duas expulsões. O Vasco aproveitou as chances e carimbou seu passaporte para as semi vencendo com autoridade.

CATEGORIA JUVENIL – GRUPO A – ANT. CONSELHEIRO

SÃO PAULO 0 x 2 VASCO

Gols: Wanderson, Luiz Eduardo.

A categoria juvenil foi tensa, mas bem jogada. A vitória simples dava a classificação para quem vencesse, sendo que a vantagem do empate era vascaína.

Com o passar do tempo, o São Paulo não conseguia bater para o gol e perfurar a defesa montada pelo Vasco. O desespero do tricolor conselheirense foi seu pecado mortal, no intuito de marcar em cima acabou deixando sua defesa exposta.

Em cobrança de escanteio, Wanderson subiu sem marcação nenhuma e testou firme para abrir o marcador. O segundo gol nasceu de um contra-ataque fatal onde Fernando lançou Luiz Eduardo que de frente com o goleiro Tibiro bateu firme. 2 a 0.

Antes disso, uma confusão entre jogadores dos times fez com que Dionísio do São Paulo e Jailson do Vasco fossem para o chuveiro mais cedo.

WhatsApp Image 2017-05-07 at 9.32.49 PM

No final o Vasco se juntou com a Portuguesa e avançaram.

CATEGORIA TITULAR – GRUPO A – ANT. CONSELHEIRO

SÃO PAULO 1 x 0 VASCO

Gols: Danilson.

Um jogo que pelas circunstâncias já seria pegado e cheio de chances, foi de fato muito emocionante. Vasco e São Paulo protagonizaram um duelo cheio de catimba, bons ataques e participação decisiva da arbitragem.

WhatsApp Image 2017-05-07 at 9.32.54 PM

Thiago do São Paulo já havia perdido duas chances, mas o jogo foi decidido depois que a bola bateu na mão do zagueiro Eduardo do Vasco. Todos os jogadores do tricolor reclamaram, mas o árbitro não ia marcar o pênalti, até que ele foi chamado pelo assistente que deu a penalidade. Danilson, que não tinha nada a ver com isso, converteu a penalidade e colocou o time na semifinal.

O Vasco ainda fez um bom segundo tempo, mas não conseguiu empatar a partida.

O Contador segue de olho na Copa do Interior 2017. Até qualquer hora!

PORTUGUESA SAI NA BRONCA POR GOL ANULADO E EMPATA COM FLAMENGO QUE SE CLASSIFICA PARA AS SEMIFINAIS

Pelo juvenil um jogo horrível que terminou em 0 a 0 deu a classificação para a Lusa. Pelo titular pênaltis decidiram a vida dos clubes.

POR AILTON RODRIGUES
ARIZONA, S.M. DO GOSTOSO/RN

Neste sábado (06) o distrito da Arizona viveu mais uma vez o que é receber um Flamengo e Portuguesa, mas desta vez graças a Deus não houve brigas, apenas futebol.

whatsapp-image-2017-05-07-at-9-32-19-pm.jpeg

O duelo válido pela 3ª rodada do grupo A definiria o rumo da vida deles na competição. Pelo titular o placar foi o suficiente para o Flamengo, por sua vez no juvenil a Portuguesa que agradeceu.

Porém, um lance capital foi o mais discutido do fim de semana. Adriano da Portuguesa havia feito o gol após receber uma bola na entrada da área, mas o assistente deu o impedimento. Os dirigentes da Lusa ficaram na bronca, mas um vídeo mostrou que realmente o camisa 14 estava em posição irregular.

CATEGORIA JUVENIL – GRUPO A – ARIZONA

FLAMENGO 0 x 0 PORTUGUESA

Provavelmente a pior partida desse grupo A. Times que não se preocupavam em tocar a bola nem em propor um sistema de jogo, aliás quem se salvou desse marasmo foi Dênis do Flamengo que conseguiu ficar acima da média.

Não vou nem me alongar no texto. 0 a 0 que foi o suficiente para a Portuguesa.

CATEGORIA TITULAR – GRUPO A – ARIZONA

FLAMENGO 1 x 1 PORTUGUESA

Gols: FLA – Reginaldo Coutinho, POR – José Adenis.

Um jogo bem corrido e cheio de lances interessantes, assim podemos definir a partida entre Flamengo e Portuguesa na categoria titular. Os gols saíram em cobranças de pênaltis um em cada tempo.

Logo aos 30 minutos do primeiro tempo, Eremilson derrubou Reginaldo Coutinho na área e o árbitro acertadamente deu o penal que o próprio Reginaldo cobrou e o colocou na ponta da artilharia com dois gols. O gol da Lusa foi aos 37 do segundo tempo, também em cobrança de pênalti convertida por José Adenis.

Outra polêmica da partida foi a decisão do técnico da Portuguesa ter tirado Adriano e colocado Decinho como substituto, a torcida ficou na bronca com o treinador e o pior é que a substituição não deu nenhum efeito.

Nós continuaremos acompanhando a Copa do Interior. Até qualquer hora!