QUADRINHOS COMO FONTE DE INFORMAÇÃO E INCENTIVO À LEITURA

Por Kibson Rodrigo Santos da Silva
Centro Acadêmico Zila Mamede, Natal/RN

Durante a realização da II Feira de Ciências, Arte e Tecnologia da Escola Estadual Olímpia Teixeira, na qual sou professor de Filosofia, surgiu a possibilidade de associar a disseminação da leitura à literatura de quadrinhos, e mostrar aos alunos a importância dessa fonte de informação na criação do apreço pela leitura.

kibson

O objetivo desse evento é trabalhar de forma prática o que é ensinado na sala de aula, de maneira que haja a promoção do conhecimento através da elaboração dos conteúdos para a feira, sendo ela aberta, principalmente, a comunidade escolar da cidade, como também à toda a comunidade de São Miguel do Gostoso. A importância desse tipo de ação vai desde a possibilidade de fomentar a participatividade dos alunos em sala de aula, à viabilização da autonomia na busca do conhecimento individual, entre outros benefícios.

Nessa perspectiva, escolhi trabalhar com o tema “Filosofia em Quadrinhos”, em que fui responsável por uma sala com diversos elementos voltados à temática. Tendo em vista uma maior imersão nos conteúdos propostos, busquei outras fontes de informação para complementar os materiais abordados, dentre elas a literatura de HQs, em que seu uso pode variar, desde uma leitura despretensiosa (entretenimento), ou até mesmo, ir de encontro a leituras mais críticas, que permeiam até reflexões sobre a vida.

O evento, apesar de também ser voltado à obtenção da nota dos alunos, transcende a necessidade de números avaliativos sobre o conhecimento assimilado e torna-se um momento de aprendizado através de uma didática diferenciada. O incentivo a leitura é essencial para todas as áreas do conhecimento, obviamente, a leitura de quadrinhos não pretende substituir a leitura livros, mas sim, apresentar ao leitor uma dinâmica distinta de leitura e literatura visual, em que eles poderão aprender através da visualização de ações e falas.

Contudo, podemos concluir que o incentivo à leitura as crianças, jovens e adultos é essencial, e que a porta de entrada desse estímulo pode ser através da literatura de quadrinhos. Enfim, acredito que a leitura de quadrinhos possa fazer com que os estudantes desde a pré-escola até o nível superior possam se tornar cidadãos mais críticos e reflexivos na sociedade em que vivemos.

Fonte: https://cazma.blogspot.com/2019/01/quadrinhos-como-fonte-de-informacao-e.html?m=1

PROJECT Z: SÉRIE DRAGON BALL VAI GANHAR NOVO RPG DE AÇÃO

Jiren também foi sugerido como um dos personagens extras para DB FighterZ.

POR CLAUDIO PRANDONI
PARA THE ENEMY

capture_001_16012019_090422

Além de novidades para Dragon Ball FighterZXenoverse 2 e o lançamento de Heroes: World Mission, a popular série japonesa vai ganhar também um RPG de ação.

Por enquanto, o projeto tem o título provisório de Project Z e ainda não possui plataformas definidas.

A novidade foi revelada pela produtora Bandai Namco em texto publicado nas redes sociais, sugerindo que o desenvolvimento do projeto começa neste ano de 2019.

BANDAI NAMCO Entertainment Europe

@BandaiNamcoEU

In 2019, the project of a New Game focusing on the World of Dragon Ball Z begins!
And more news coming to DRAGON BALL Fighter Z! The Warrior from Universe 11 is joining the fight!
More information to be revealed at the DRAGON BALL FighterZ World Tour Finals in January 26th ~ 27th

Vジャンプ編集部@2月特大号好評発売中!

@V_Jump

2019年、あの『ドラゴンボールZ』の世界が、バンダイナムコエンターテイメント最新作で動き出す! 最新ゲームの悟空を、Vジャンプ3月特大号で全宇宙初公開!
さらに『ドラゴンボールファイターズ』にも新展開! ついに第11宇宙のあのキャラが参戦か!? ツアーファイナルで追加情報も大発表!!!

Ver imagem no Twitter

Além disso, o texto sugere também que o poderoso guerreiro Jiren, um dos destaques dos episódios do arco do Torneio do Poder em Dragon Ball Super, será um dos personagens extras de FighterZ.

ORIGINAL: https://www.theenemy.com.br/playstation/project-z-serie-dragon-ball-vai-ganhar-novo-rpg-de-acao