KARATÊ RETOMA ATIVIDADES EM SÃO MIGUEL GOSTOSO

Associação Gostosense de Karatê Shotokan (AGOKS) retoma suas atividades em novo local, mais espaçoso e visando o circuito estadual de 2022.

POR RICARDO ANDRÉ
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

A Associação Gostosense de Karatê Shotokan (AGOKS) retomou suas atividades de treinamento e preparação de competições neste mês de agosto. Não diferente das demais modalidades esportivas, o karatê também teve seu ciclo normal de treinamentos e competições interrompido em todo Brasil pela pandemia do COVID-19.

Após hiato de mais de um ano, o karatê em São Miguel do Gostoso volta em um novo local com parceria do CDHEC. Mais amplo e que atende as necessidades atuais de distanciamento para o treinamento sobretudo de crianças e adolescentes.

O sensei Cristiano Nunes, presidente da AGOKS e treinador da Nunes Team apresentou o novo local ao Contador e abriu inscrição para novas turmas; ele já conta com cerca de 40 alunos (entre bolsistas e particulares) divididos em três turnos, e espera ampliar esse número.

Sensei Cristiano Nunes

“Em novembro de 2021 pretendemos realizar nosso exame de faixa desse ano, será o primeiro exame de faixa de diversas crianças e adolescentes, e para 2022, iremos treinar para estar presente no retorno do circuito de competições estadual que esta suspenso pela pandemia.” – Cristiano Nunes

A AGOKS tem uma história campeã em São Miguel do Gostoso, com diversas participações e medalhas, inclusive no Campeonato Brasileiro de Karatê, promovida pela Confederação Brasileira de Karatê (CBK), filiada ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Esse trabalho também garantiu o primeira colocação geral nos JERN’s 2015 para a Escola Municipal Coronel Zuza Torres no masculino e para aEscola Municipal Professora Ana Ribeiro Barbosa no feminino, sendo a primeira vez que uma escola pública alcançou este resultado.

Uma das novas turmas da AGOKS.

Serviço:

AGOKS – NUNES TEAM
Rua dos Búzios, Centro, próximo a Casa Paroquial
São Miguel do Gostoso/RN
Contato: (84) 9 9166-2501

Autor: Ricardo André

Professor de Matemática, produtor cultural e tesoureiro do Espaço TEAR (CDHEC)