SENADORA ZENAIDE ALERTA: “ATRASO NO PAGAMENTO DE AUXÍLIO DE 600 REAIS PODE LEVAR BRASILEIROS À MORTE”

POR G7 COMUNICAÇÃO

Senadora Zenaide no Senado

A senadora Zenaide Maia (Pros-RN) cobrou urgência no pagamento do auxílio de R$ 600,00 aos brasileiros cuja renda foi prejudicada por causa do isolamento social necessário para conter o avanço, no país, da pandemia do coronavírus. O projeto que prevê a renda mínima emergencial foi aprovado pelo Congresso, mas ainda depende da sanção do presidente Jair Bolsonaro para começar a sair do papel. Só que o governo não vem demonstrando pressa: a primeira previsão é a de que o pagamento só seja feito a partir da segunda quinzena de abril.

Para Zenaide, isso demonstra a falta de interesse do presidente em ajudar quem mais precisa: “Ele já demonstrou não ter interesse, pois poderia ter enviado uma Medida Provisória, que tem validade imediata, mas não enviou”, argumentou a senadora, que elevou o tom da crítica a Bolsonaro: “Não dá para acreditar que o maior cargo do país chegue a esse nível de irresponsabilidade e de falta de sensibilidade com a vida humana. A demora nesse pagamento levará centenas, milhares de brasileiros à morte”, declarou Zenaide, durante a sessão do Senado nesta terça-feira (31/03).