ESCRITOR POTIGUAR LANÇA “PIPA VOADA SOBRE BRANCAS DUNAS” NO FLIN

Com lançamento programado para a FLIN em novembro, livro trata de crônicas sobre relações sociais.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

Capa do livro "Pipa Voada Sobre Brancas Dunas" (Foto: Gustavo Farache).
Capa do livro “Pipa Voada Sobre Brancas Dunas” (Foto: Gustavo Farache).

POR G7 COMUNICAÇÃO – Uma obra de realismo fantástico que é também barroca, pois apresenta o contraponto entre alegria e dor, sombra e luz, tragédia e comédia”. Assim o próprio autor e boa parte da crítica classificam o livro “Pipa voada sobre brancas dunas”, do dramaturgo e escritor potiguar Júnior Dalberto.  A obra será lançada no próximo dia 05 de novembro durante o FLIN – Festival Literário de Natal, no Largo da Ribeira, no estande da Editora CJA do Editor Cleudivan Janio. Em sua segunda edição, a obra foi  revisada e atualizada pelo professor, jornalista, escritor e poeta José de Castro, Capa do publicitário Robson Medeiros, Fotografia de Maxwel Pereira, Diagramação de Diolene Machado.

A história fala sobre o surreal agrupamento de humanos em suas lidas e labores com o vento de todas as mudanças, a que pode ser submetido. Sem queixas ou louvores, estas pessoas, que podem ser qualquer um de nós ou dos nossos (como adverte o autor), vivem e vivenciam ininterruptamente todos os dramas e comédias que se desdobram alucinadamente pelas mãos de um títere do tempo, implacável e alheio à condição humana.

Repleto de cenários comuns e paradoxais as personagens se recriam ininterruptamente num suceder de fatos e fofocas, que lembram uma espécie de “1.001 Noites Árabes” — só que em vez de uma história dentro de uma história trata-se uma crônica dentro da outra.

Episódios hilários se multiplicam e desdobram em tragédias únicas e pessoais que, por sua vez, se abrem em outras sequencias igualmente hilárias e trágicas num ritmo incessante e quase alucinado. As aventuras de Brancas Dunas são cheias de referências interessantes a quase tudo o que é parte da formação da sociedade nordestina onde necessariamente, qualquer semelhança não passa de mero acaso (ou não).

SOBRE O AUTOR

Autor Júnior Dalberto (Foto: Gustavo Farache)
Autor Júnior Dalberto (Foto: Gustavo Farache)

JUNIOR DALBERTO, pseudônimo de Alberto Barros da Rocha Junior, é escritor, dramaturgo, diretor teatral e poeta  potiguar. Autor e encenador dos textos infantis “Um Robô no Mundo da Fantasia”, encenado no Rio de Janeiro escreveu e dirigiu as primeiras montagens em Natal dos textos infantis “Pinóquio e O Circo” e “Na Trilha da Ilha da Caveira que Ri”, que foi montada novamente independente em Natal/RN  nos anos de1997, 2005, 2008 e em Brasília/DF no ano de 2014.

Escreveu  e produziu o espetáculo infantil “Titina e a Fada dos sonhos” e o espetáculo adulto “A Barca de Caronte”. Dirigiu, escreveu e adaptou para o teatro  os espetáculos “O Velório da Marquesa Di Fátimo”, “A Última Gota de Absinto” e “Borderline”. È premiado com quatro Troféus Evoés – Festival Teatro Exu/Pernambuco em 2015. Dirigiu artisticamente a premiação de música potiguar “Hangar 2013, Hangar 2014 o Hangar 2015”. Publicou as obras literárias “O Teatro Mágico de Junior Dalberto- Coletânea de textos Infantis”, “O Teatro Mágico de Junior Dalberto – Coletânea de textos Adultos”, O livro de contos “Cangaço e o Carcará Sanguinolento” (Prêmio Troféu Cultura 2014 – Destaque Literário Potiguar), O Livro de Poemas “Leveza Infinita”  e o livro de Conto “Reféns nos Andes” (Selecionado para  a premiação Biblioteca Nacional 2015). Representou a cidade de Natal no III Encontro de  Escritores da Língua Portuguesa – EELP.

Fez a direção cênica da inauguração do Cine Teatro Parnamirim/RN.  É escritor integrante da Caravana Literária Potiguar.

O Contador volta a qualquer hora! Até lá!

Autor: Ailton Rodrigues

Técnico em Informática (IFRN), que adora esportes e jornalismo, estando sempre disponível para bons papos. Coordenador de Comunicação do clube de futebol TEC (Tabua Esporte Clube), membro do Conselho do Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC), comunicador da Mostra de Cinema de Gostoso. Atualmente aluno de Licenciatura em Pedagogia (UFRN).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.