Arquivo da tag: TSE

ELEITORADO GOSTOSENSE É NA MAIORIA MASCULINO E COM ENSINO FUNDAMENTAL INCOMPLETO, DIZ TSE

Pesquisa divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral também aponta crescimento no eleitorado, além de grande parte ser jovem.

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

eleioes2016jpg14441381265613cc8e3b8dc

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nesta última segunda-feira (25) as estatísticas do eleitorado das Eleições 2016 e São Miguel do Gostoso apresentou um número de 37,9% eleitores que não possuem o Ensino Fundamental Completo.

Ainda de acordo com os dados, essa porcentagem da população corresponde a 3.040 pessoas. 19,81% declararam saber ler e escrever, enquanto 13,33% são analfabetos. Apenas 7,94% terminaram o Ensino Fundamental, 5,17% o Ensino Médio e apenas 1% concluíram o Ensino Superior.

Gostoso terá nessas eleições 8.015 eleitores aptos a votar e é considerado um município híbrido, já que 1.007 destas pessoas já estão cadastradas com o sistema da biometria. Nas últimas eleições, em 2014, o município tinha 7.511 eleitores.

SEXO E IDADE

sexo tse 2016
Fonte: TSE.

Em relação ao sexo, Gostoso terá um eleitorado de predomínio masculino com 51% da população que corresponde a 4.119 pessoas, as mulheres somam 3.895.

No quesito idade a maioria absoluta é jovem: 22,33% tem a faixa de 16 a 24 anos, por outro lado o número de idosos de 60 a 75 anos que não tem o voto como obrigatório chega ainda a um índice expressivo de 15,51% (1.243 pessoas).

Você pode conferir as estatísticas completas [AQUI]. E nós continuamos de olho nas Eleições 2016, até qualquer hora!

HORA DE SE DESLIGAR

Você já deve ter visto no O Contador que as eleições municipais tem novos prazos para convenções, filiações, registro de candidatura e campanha eleitoral, porém os prazos de descompatibilização continuam os mesmos.

POR RICARDO ANDRÉ
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

eleioes2016jpg14441381265613cc8e3b8dc

Desincompatibilização é o ato pelo qual o pré-candidato se afasta de um cargo, emprego ou função, cujo exercício leva a inelegibilidade, ou seja, o impedimento da sua candidatura. A legislação eleitoral prevê que, conforme o caso, o afastamento pode se dar em caráter temporário ou definitivo, também defini prazos diferentes para a vaga que se pretende concorrer, neste ano prefeito, vice-prefeito e vereador.

Dentro da grande variedade de cargos e funções podemos dar destaque para algumas que sempre causam grande mobilização politica nas prefeituras, lembrando que há prazos diferentes para quem deseja ser candidato a vereador, prefeito, ou vice-prefeito.

Os secretários municipais (e equivalentes) devem se desligar com 6 meses de antecedência (até esse sábado 02/04) no caso de visarem o cargo à vereador e com 4 meses no caso de prefeito ou vice-prefeito; o mesmo vale para o cargo de fiscal de tributos; os demais cargos comissionados devem se desligar com 3 meses de antecedência em ambos os casos.

Servidores públicos em geral  – professores, ASG’s, agentes comunitários de saúde, conselheiro tutelar, etc – interessados em concorrer em 2016 devem se afastar com 3 meses de antecedência para qualquer cargo, sendo seu afastamento remunerado. Os dirigentes sindicais devem se afastar em qualquer hipótese com 4 meses de antecedência.

Os cidadãos que já ocupam os cargos de vereador, prefeito e vice-prefeito, assim como os  presidentes de conselho de controle social e presidentes de associações sem fins lucrativos, não tem necessidade de se descompatibilizar.

Caro leitor fiz um resumo breve e simples de um tema que necessita de estudo, para maiores informações consulte os links abaixo ou procure o Cartório Eleitoral mais próximo.

Para saber mais:

TABELA DE DESCOMPATIBILIZAÇÃO ou www.tre-sc.jus.br/site/legislacao/eleicoes-2016/prazos-de-desincompatibilizacao/index.html

 

SÃO MIGUEL DO GOSTOSO TERÁ LIMITE DE 65 MIL REIAS EM GASTOS DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Dados foram divulgados pelo TSE, campanha para vereadores terá valores abaixo dos dez mil.

POR AILTON RODRIGUES
NATAL/RN

eleioes2016jpg14441381265613cc8e3b8dc

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) definiu os limites de gastos para as campanhas municipais para vereadores e prefeitos por todo o estado. Como já se previa pelo cenário recente de crise econômica, os valores foram diminuídos em relação a 2012, o Tribunal para isso fez os limites abaixo dos valores máximos declarados nas últimas campanhas.

Os valores ainda podem sofrer algum tipo de alteração em 20 de julho, mas até o momento o teto de São Miguel do Gostoso será de R$ 65.313,68 de teto para campanha de prefeito e R$ 6.015,50 para as de vereadores.

  • Para conferir todos os valores de cada município potiguar clique aqui.

O Contador segue de olho nas notícias de Gostoso, até qualquer hora!